Não são apenas as vinícolas a compor os atrativos de Men­doza, como também sua rica gastronomia, as cavalgadas ao pédos Andes, rafting no Rio Men­doza, passeios de bike, aulas de culinária, hotéis luxuosos, visita a parques deslumbrantes, apenas citando alguns. Há programas para todos os gostos e gêneros. Confira as dicas da Interpoint para viver a charmosa cidade – o feriado da Independência, cele­brado em 7 de setembro, éuma boa oportunidade.

Capital dos vinhos argenti­nos e responsável por 70% da produção nacional, a charmosa cidade de Mendoza, ao péda Cordilheira dos Andes, encan­ta por sua arquitetura de traços europeus. A altitude moderada, a irrigação obtida pela água do degelo andino e os dias ensola­rados e noites frias contribuem para criar o ambiente ideal para o cultivo de uvas. Fundada em 1561, a charmosa Mendoza, ape­sar de apresentar ritmo de vida cada vez mais cosmopolita, pre­serva ainda os ares de lugarejo do interior. Na paisagem, um mix de montanhas, rios, vales, desertos e, éclaro, vinhos sem-fim.

Mendoza é o ponto de partida para inúmeras atividades ao ar li­vre, como golfe, rafting, trekking, biking, esqui, escaladas e cavalga­das. Para completar, o Parque Pro­vincial do Aconcágua, que abriga o pico mais alto das Américas, fica a 180 quilômetros. Na cidade também épossível provar assem­blages (misturas) inesperados e opções varietais (vinhos de uma só variedade) elaboradas com uvas pouco conhecidas, como a Bonarda e Torrontés. Por que não fazer um assemblage de vinícolas também? Ou seja, vi­sitar as mais famosas e tradicio­nais, mas também estar aberto a nomes menos conhecidos.

A região tem cerca de 1.200 vinícolas, onde épossível de­gustar bons rótulos e até mes­mo fazer uma visita guiada aos vinhedos, percorrendo os cha­mados “Caminhos do Vinho”. A Interpoint apresenta aqui as principais vinícolas escolhidas pelos visitantes brasileiros e que farão do feriado de 7 de setem­bro uma experiência completa em prova de vinhos sublimes e cenários deslumbrantes, além da boa gastronomia local, cita os restaurantes lendários e que deixarão a sensação de “quero mais” e as mais charmosas op­ções de hospedagem.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui