O Botafogo deverá anunciar nesta quinta-feira os primeiros reforços para o Campeonato Pau­lista e também para a série C do Campeonato Brasileiro. São eles, o atacante Bruno Moraes, o za­gueiro Plínio e o volante Serginho que já treinam sob o comando de Léo Condé desde a última sema­na. Como de praxe, o clube faz a apresentação oficial após solucio­nadas as questões físicas de cada atleta, bem como as contratuais.

A 36 dias da estreia no Pau­listão, contra o Bragantino, em Bragança Paulista, no dia 17 de janeiro (excluindo-se as datas de Natal e Ano Novo), o clube já se prepara para receber novos reforços, como Tiago Cardoso, experiente, o goleiro de 33 anos tem passagem pelo Santa Cruz­-PE, onde atuou por seis tempo­radas, participando dos seguidos acessos que levaram o clube até a Série A do Brasileiro. Em 2017 o jogador fez parte da campanha que rebaixou o Náutico à série C, onde atuou em 32 jogos.

Também deve chegar a Santa Cruz, Diego Tavares, meio-cam­pista, mas que também pode atuar pela lateral-direita. O joga­dor, de 26 anos, chega após uma temporada no elenco do Avaí. No Brasileirão o atleta fez 13 jogos com a camisa do clube catarinen­se. Antes do Avaí, Tavares atuou no Paraná, clube que ainda detém seus direitos federativos.

Outro reforço é o lateral­-esquerdo Peri. Aos de 31 anos, conhece bem o futebol paulista, e já disputou três vezes o Paulistão atuando pelo Ituano. O último clube de Peri foi o Paysandu, onde participou de 24 jogos na campa­nha da Série B.

Naylhor também é zagueiro, tem 30 anos, também conhece bem o futebol paulista: nos últi­mos três anos disputou o Paulis­tão pelo Ituano. Neste ano Nay­lhor defendeu o Figueirense, na Série B, e jogou 11 partidas.

Everton Heleno, de 27 anos, pode atuar como volante ou meio-campo mais avançado. No primeiro semestre de 2017, pelo CSA-AL, Everton anotou 14 gols em 27 jogos. No segundo semes­tre o atleta fechou com o Atlético Goianiense para disputa do Brasi­leirão, porém, foi pouco aprovei­tado e jogou apenas três partidas.

O mais jovem dos jogadores da lista, com 21 anos, é Danielzi­nho meio-campo com caracterís­ticas ofensivas. Cria de Xerém, fa­moso centro de categorias de base do Fluminense, o atleta jogou pelo Oeste em 2017 emprestado pelo clube carioca. Na campanha his­tórica do time do interior paulista na Série B, o jogador participou de 33 partidas, marcando 1 gol.

Até o momento a diretoria Botafoguense afirma apenas que existem negociações em andamento com estes jogado­res, porém, nada foi confirma­do de forma oficial, segundo o portal Wsports.

Comentários