A Polícia Civil de Ribeirão Preto, por meio da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) e contando com o apoio operacional da DISE e da CIP, deflagrou, na manhã desta quarta-feira (10), a operação “Curupira”, cumprindo 10 mandados de prisão temporária e 10 mandados de busca e apreensão para uma quadrilha de roubo de caminhões.

A operação foi deflagrada nas cidades de Serrana, Cravinhos e Ribeirão Preto, após cerca de três meses de investigação criminal. Participam da operação 33 policiais civis e dez viaturas.

A investigação apontou que o grupo criminoso, após receber a “encomenda” de um determinado tipo de caminhão, realizava um levantamento e monitorava as vítimas, as quais abordavam com emprego de armas na zona rural, mantendo as mesmas subjugadas no meio do mato, até que o veículo roubado chegasse ao seu destino final. Daí o nome da operação, porque no folclore brasileiro, Curupira é protetor das matas.

Durante as investigações foram identificados ao menos dois veículos roubados pela quadrilha, havendo indícios de ao menos mais oito casos.

Os caminhões, em sua maioria, eram destinados à adulteração para que a quadrilha comercializasse ou empregasse em empresas. Os presos foram conduzidos para a Delegacia de Investigações Gerais de Ribeirão Preto.

Entrevista coletiva – Operação Curupira – Foto: Lúcio Mendes