O curso de Atendimento ao Turista do canal Brasil Braços Abertos (BBA) do Ministério do Turismo despertou, até agora, maior interesse nas regiões Sudeste e Nordeste. Juntas, as duas são responsáveis por 68% das inscrições realizadas até o início desta semana, sendo 43% nos estados do Sudeste e 25% entre os nordestinos.

Os líderes no ranking com o maior número de inscrições são estados que abrigam importantes destinos de lazer e de negócios do país – como São Paulo (4,6 inscritos), Rio de Janeiro (3,1 mil) e Bahia (1,7 mil). De janeiro a setembro deste ano, por exemplo, as cidades do Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador foram os três destinos mais buscados pelos brasileiros, segundo pesquisa do Voopter, aplicativo de comparação de preços de passagens aéreas e promoções.

Se a análise for feita na lista dos dez estados que mais se inscreveram, todas as regiões do país estão representadas – com exceção do Norte, que representa 8% das inscrições no canal de cursos online. Neste rol, estão três estados do Sudeste (MG, SP, RJ), três do Nordeste (BA, CE e PE) e os três do Sul (RS, PR e SC), região que detém 16% das inscrições, além do Distrito Federal, no Centro-Oeste, também com 8% do total de inscritos.

“O BBA é uma oportunidade gratuita de qualificação profissional, com status de curso de extensão, que abrimos para todo o Brasil. É importante que os órgãos de turismo, entidades do setor produtivo e os diversos atores do setor conheçam e divulguem a plataforma para que possamos alcançar cada vez mais pessoas interessadas em melhorar a qualidade do atendimento ao turista no país”, afirma o secretário Nacional de Qualificação e Promoção do Turismo do MTur, Bob Santos.

A estratégia do Ministério do Turismo de firmar termos de compromissos com entes públicos e privados para gerenciar a oferta de cursos em suas regiões tem se mostrado eficiente. Os estados com maior número de alunos inscritos são também aqueles com maior número de representantes que aderiram à proposta do MTur. Hoje, há 393 instituições cadastradas na plataforma de ensino a distância. CLIQUE AQUI E ACESSE O BBA.

Edição: Vanessa Sampaio