Mariana de Freitas Nascimento, 33 anos, morreu na noite da última terça-feira (7), na unidade de emergência do Hospital das Clínicas, onde estava internada desde o dia anterior, quando ficou gravemente ferida em acidente de trânsito. O acidente ocorreu na avenida Plínio de Castro Prado, Jardim Paulista, no sentido bairro-Centro, quando Mariana colidiu a motocicleta Honda Biz que pilotava com um Chevrolet Classic, que trafegava no sentido contrário da via pública.

No boletim de ocorrência foi registrado que o motorista do Classic fez a conversão na avenida para acessar a rua Síria e colidiu com a Honda Biz da vítima.
Mariana foi levada para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da 13 de Maio e na sequência, transferida à Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas.

Ela fraturou a perna teve perfuração no pulmão e o esgarçamento da veia aorta na região abdominal e foi submetida à dois procedimentos cirúrgicos.

A irmã Valéria Rodrigues esclareceu que “por conta dessa lesão na aorta, ele teve de colocar uma prótese na veia, mas daí o mesmo problema ocorreu no pescoço. Em razão dessa lesão, ela acabou sofrendo um acidente vascular cerebral (AVC) e não resistiu”.
Mariana foi sepultada no Cemitério Bom Pastor, na zona Leste de Ribeirão Preto.
Investigações da ocorrência sob responsabilidade do 8º Distrito Policial.