A programação desta se­mana do “40tena Cultural”, projeto desenvolvido pela Fun­dação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto, traz mais uma edição do Clube do Livro. Será neste sábado, 24 de outubro, às 16 horas, mediado pela biblio­tecária e curadora do grupo, Gabriela Pedrão.

O encontro irá debater a obra “A Redoma de Vidro”, da poetisa norte-americana Syl­via Plath (1932-1963). Este é único romance da escritora, publicado em 1963, que con­ta a história da jovem Esther Greenwood, que aos 18 anos sai dos subúrbios de Boston para uma prestigiosa univer­sidade em Nova York.

A partir disso, a rotina da garota passa a se dividir en­tre o trabalho e a intensa vida social. Há quem diga que a obra é um livro autobiográ­fico, apesar dos nomes de pessoas e lugares serem ou­tros, porém, a doença mental abordada na protagonista é bastante semelhante com as experiências da autora.

Sylvia Plath, que sofria de transtorno bipolar e depressão clínica, aos 30 anos de idade cometeu suicídio – um mês depois da primeira publicação da obra. Segundo a curadora do projeto, Gabriela Pedrão, a obra de Sylvia Plath foi esco­lhida pelo grupo pela escrita moderna que o livro traz.

“Mas, o que chama a aten­ção é o fato de ‘A Redoma de Vidro’ não ser exatamente uma obra bibliográfica, mas ter a vida da autora lá. Então, se torna um romance delica­do por abordar a depressão, principalmente na realidade que estamos vivendo agora, de pandemia e isolamento social. São questões impor­tantes para serem discutidas”, explica Gabriela.

O encontro acontece pela plataforma Zoom e pelo novo site da fundação. No próximo encontro, haverá a seleção das obras para o ano de 2021. “Estou ansiosa para saber as indicações dos participantes do Clube do Livro”. Durante mais de sete meses de progra­mação consecutiva, o “40tena Cultural” já realizou mais de 60 atividades e interagiu com mais de 25 mil pessoas.

O projeto, realizado pela Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto, tem como proposta incentivar as pesso­as a ficarem em casa durante o período de isolamento so­cial, em virtude da pandemia do coronavírus, causador da covid-19.

Semanalmente são divul­gadas atividades que abran­gem desde as transmissões ao vivo com artistas e convida­dos até contação de histórias para crianças, shows, dicas e discussões de livros. Para acompanhar a programação semanal, basta acessar as re­des sociais da Fundação do Livro e Leitura.