Uma gestante, 32, registrou boletim de ocorrência na manhã desta quinta-feira, 6, na Central de Flagrantes, após seu carro ser danificado por um andarilho que pedia dinheiro no cruzamento da avenida Jerônimo Gonçalves com rua Martinico Prado, na região central de Ribeirão Preto.

Ela relatou que havia deixado um dos filhos na escola e se dirigia para exames laboratoriais ainda em jejum, com seu filho caçula de apenas 6 anos na cadeirinha, quando o pedinte a abordou no semáforo e próximo ao para-brisa do passageiro, pediu dinheiro.
A motorista disse que não tinha.

De imediato, com violência, o homem socou a lataria do veículo e quebrou a lanterna traseira.

Em seguida, saiu do local caminhado em direção ao Terminal Rodoviário.

A motorista, muito nervosa, contou na delegacia que não foi ameaçada, mas “o pedinte deu socos no carro e saiu andando, como se nada tivesse acontecido. Hoje eu passei por lá, mas costumo fazer outro caminho. Estou gestante de dois meses e estava indo fazer um exame. Estou de jejum e fiquei muito nervosa”, comentou.

A Polícia Militar foi acionada e confirmou que uma viatura realizou patrulhamento no local, mas o morador de rua não foi encontrado.

Taxistas reclamam da falta de segurança e afirmam que assédio contra mulheres são comuns no local.