Floresthá é mulher de co­ração-semente que se desco­bre floresta. Às vezes densa, às vezes leve, cultiva a músi­ca eletrônica e a performan­ce como ferramentas em sua identidade visual. Seu primei­ro lançamento, o single “O que não cabe”, estreará como abertura para o EP “Habitat”.

Nele, cinco músicas, que serão lançadas ao longo de 2021, revelam através das le­tras, arranjos e show uma pesquisa de texturas e cores que potencializam a essência do habitar, buscando realçar tanto seu significado literal, quanto o seu significado me­tafórico de pertencimento, lar, segurança para ser quem se é.

Por todo o contexto da pandemia, “O que não cabe” foi produzido pela artista em sua própria casa, durante essa quarentena e, com seu com­panheiro Aloander Oliveira, que também é músico e pro­dutor audiovisual, realiza­ram a gravação do videoclipe numa produção enxuta onde os dois fizeram tudo, desde o roteiro, edição, captação, etc, usando a própria casa e luga­res isolados como cenários.

A mixagem e masterização ficou por conta de sua parceria com Érika Lobo e Gabriel Ma­thias da Duophono. Toda a par­ceria também foi estabelecida de forma virtual. Floresthá acredita que, hoje em dia, com os home studios e a acessibilidade à sof­twares de produção musical, o lançamento de uma música se torna muito mais democrático, sem perder a qualidade.

“Muitos álbuns de su­cesso foram produzidos em casa. Billie Eilish é um gran­de exemplo”, diz a musicis­ta e produtora. A partir da produção musical e da live performance e influenciada, ainda, por sua vivência nas artes cênicas, Floresthá busca unir trilha sonora e indie-ele­trônico a fim de aproximar suas composições a uma dra­maturgia sonora e seu show a uma experiência cênica.

O contraponto trazido pela densidade das letras, pelos sam­ples e pelas timbragens sintetiza­das, investiga simbologias que representem o paradoxo do an­cestral e do contemporâneo, da humanidade e das máquinas, do selvagem e do urbano, do sagra­do e do profano.

A estreia de “O que não cabe” virá com um videoclipe e estará disponível em todas as platafor­mas a partir desta sexta-feira, 16 de abril. Para acompanhar esse lançamento e conhecer mais, acesse o link na bio da artista no instagram @_florestha, faça o pré-save ou siga nas redes.