Atacante argentino Dybala afirma estar melhor, após contrair o coronavírus

0
19

O atacante Paulo Dybala, da Juventus, afirmou, nesta sexta­-feira, estar melhor, após ter con­traído o coronavírus. O argenti­no, de 26 anos, revelou que teve “sintomas fortes” da doença.

“Estou muito melhor agora, mas tive sintomas fortes há al­guns dias. Agora eu posso me mover, andar e tentar treinar. Alguns dias atrás, quando ten­tei, me senti um pouco pesado, meus músculos doíam, estava sem ar e depois de cinco minu­tos estava cansado. Agora estou definitivamente melhor”, disse Dybala, em entrevista ao canal da Juventus nas redes sociais.

O atleta argentino anunciou que testou positivo para o novo coronavírus no sábado passa­do, assim como sua namorada, Oriana. Dybala foi o terceiro jo­gador da equipe de Turim a pe­gar o vírus Os primeiros foram o zagueiro Daniele Rugani e o meia Blaise Matuidi.

Gustavo, irmão de Dybala, está sendo investigado pela po­lícia da Argentina, após ter sido acusado de ter quebrado as me­didas do seu auto-isolamento. Ele foi forçado a ficar em qua­rentena depois que o jogador da Juventus foi diagnosticado com o vírus.

Segundo a imprensa argen­tina, alguns moradores denun­ciaram Gustavo às autoridades, após ele ter saído com a compa­nheira. Segundo o código penal argentino, punições de seis me­ses a dois anos de prisão podem ser concedidas a quem deixar suas residências durante a qua­rentena sem motivos válidos.