Bahamas contabiliza 50 mortos após Dorian

0
17
DANTE CARRER/REUTERS

O número de mortos nas Bahamas após a passagem do furacão Dorian subiu para 50 nesta terça-feira, 10 de setem­bro, sendo 42 deles nas Ilhas Ábaco e oito em Grand Baha­ma, segundo informações di­vulgadas pelo comissário da polícia Anthony Ferguson.

Ferguson acrescentou que ainda há milhares de desapare­cidos e que, com isso, o núme­ro de vítimas pode aumentar consideravelmente. A impren­sa local estima que pode haver mais de três mil pessoas mortas e publica que estão sendo reali­zados enterros em massa.

O comissário disse que tan­to em Nova Providência, onde está localizada a capital, Nas­sau, quanto nas Ilhas Ábaco e Grand Bahama, não há capaci­dade suficiente para depositar os corpos, que permanecem em bolsas de plástico e em con­têineres refrigerados.

O comissário confirmou que cerca de 4,5 mil pessoas foram levadas das Ilhas Ába­co e de Grand Bahama para a capital desde a passagem do Dorian, há uma semana. Até o fim do dia, esse núme­ro deve passar de cinco mil. Centenas de pessoas estão desaparecidas e 70 mil não têm onde morar, segundo da­dos da Organização das Na­ções Unidas (ONU).

Comentários