Brasileiro de Vôlei de Praia agita Ribeirão Preto

0
59
CÁRILA COVAS

A terceira etapa do Cir­cuito Brasileiro Open de Vô­lei de Praia está agitando a cidade de Ribeirão Preto. A arena, que foi instalada no es­tacionamento externo do Ri­beirão Shopping, vai abrigar até o domingo (24) os prin­cipais nomes da modalidade.

A dupla Cássio Fiani e Die­go Carrion, de Ribeirão Preto, participou da competição re­presentando a cidade. Carrion falou sobre a emoção de com­petir dentro de casa.

“Entrar na quadra do Cir­cuito Brasileiro de Vôlei de Praia é sempre uma emoção única. Dessa vez foi mais es­pecial, pois conquistamos uma vitória em casa, na nos­sa cidade, com a torcida pre­sente, e isso não tem preço. Nosso maior objetivo era ser competitivo e acredito que conseguimos alcançar”, disse Diego Carrion.

A entrada nos jogos é gra­tuita e o público pode contri­buir com a doação de um quilo de alimento não perecível, que serão distribuídos posterior­mente a entidades cadastra­das na Secretaria Municipal de Assistência Social. Os jo­gos acontecem na sexta-feira (22), das 8h30 às 15h30, no sábado (23), das 8h às 13h e das 17h30 às 22h, e as finais acontecem no domingo (24), das 8h30 às 13h.

A competição ocorre com 24 duplas em cada gênero. Os 16 times mais bem colo­cados no ranking de entradas já estão garantidos na fase de grupos, que começou na quinta-feira (feminino) e se estende até sexta-feira (mas­culino), enquanto outras oito vagas permanecem ‘abertas’ para duplas que estão fora do ranking, e serão decididas no torneio classificatório, reali­zado na quarta (feminino) e quinta (masculino).

Os oito times que avança­rem no classificatório, junto dos 16 times garantidos pelo ranking de entradas, totalizam as 24 equipes, que são dividi­das em seis grupos de quatro e jogam entre si na fase de grupos. Os dois melhores ti­mes de cada chave e os quatro melhores terceiros colocados avançam às oitavas de final. A competição segue no formato eliminatório tradicional, com quartas de final, semifinais e disputas de bronze e ouro.

Ribeirão Preto recebeu etapas do Circuito Brasilei­ro em duas oportunidades. A primeira, em 1995, teve como vencedores Zé Marco/Ema­nuel e Karina/Renata. Depois, em 2004, Ricardo/Emanuel e Sandra/Ana foram as vencedo­ras. A cidade também recebeu uma etapa de outro torneio, o Circuito Challenger, em 2014, com títulos para Duda/Caroli­na Horta e Lipe/Beto Pitta.