Caixa abre nova etapa de saques

0
17
JF PIMENTA/ARQUIVO

A Caixa Econômica Fede­ral inicia, nesta sexta-feira, 8 de novembro, uma nova etapa do calendário de pagamentos do Saque Imediato do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Os trabalhadores nas­cidos em abril e maio poderão realizar o saque de até R$ 500 de cada conta ativa ou inativa. Mais de 8,8 milhões de pessoas serão alcançadas nessa nova fase, com liberação de aproximadamente R$ 3,4 bilhões.

Para facilitar o atendimento, 2.381 agências do banco estatal abrirão em horário estendido nesta sexta-feira e na segunda-fei­ra (11). A lista das agências com horário especial de atendimento está no site fgts.caixa.gov.br. Na região de Ribeirão Preto, são 59 agências que vão abrir para aten­dimento aos trabalhadores com direito ao saque – 17 apenas na cidade-sede. No total, são 60 na região e 18 na metrópole, mas a do Novo Shopping não entra na lista porque abrirá normalmente, das dez às 16 horas.

As 17 agências abrirão às oito da manhã desta sexta-feira (8) e na segunda (11). A rede Caixa de atendimento é composta por 4.132 unidades próprias, sendo 3.374 agências e 762 postos de atendimento. Possui ainda mais de 21.200 parceiros, sendo 13 mil lotéricas e 8.250 correspon­dentes Caixa Aqui. Totalizando, o banco possui 55.122 pontos de atendimento à população

Até terça-feira (5) foram pa­gos mais de R$ 17,4 bilhões do Saque Imediato do FGTS para cerca de 41,3 milhões de traba­lhadores. Assim, a Caixa Econô­mica Federal já atendeu cerca de 43% dos 96 milhões de trabalha­dores contemplados pela medi­da provisória 889/2019 e liberou aproximadamente 44% dos R$ 40 bilhões previstos.

A liberação de saques ime­diatos de até R$ 500 do FGTS deve injetar R$ 100 milhões em Ribeirão Preto até o final do ano, segundo estimativas do economista Gabriel Couto, da Associação do Comércio e Indústrial (Acirp), já contabili­zados os correntistas da Caixa Econômica Federal que rece­beram os créditos em conta em setembro e até 9 de outubro e dos não correntistas.

O Saque Imediato do FGTS já se consolida como a maior ação de pagamento realizada no país, oferecendo comodi­dade e serviços digitais aos trabalhadores, que permitiram mais de 335,6 milhões de aten­dimentos nos canais oficiais da Caixa Econômica Federal mais de 15 milhões de downloads do aplicativo APP FGTS nas lojas autorizadas.

Para quem possui conta de poupança na Caixa Eco­nômica Federal, os valores já foram creditados até o dia 9. Para quem não é correntista do banco, os saques podem ser feitos pelos canais de aten­dimento (lotéricas, agências, caixas de autoatendimento e correspondentes bancários). Neste caso, os pagamentos começaram em 18 de outubro para os brasileiros com data de aniversário em janeiro.

Quem optar pela transferên­cia de recursos para outros ban­cos não precisará pagar nenhu­ma taxa. Pelo novo cronograma todos os trabalhadores poderão sacar o valor referente ao saque aniversário ainda em 2019. Para quem faz aniversário em junho e julho, o saque começa m 22 de novembro. Para quem nasceu em agosto, o início será em 29 de novembro. No caso de quem faz aniversário em setembro e outubro, a data de início é 6 de dezembro. Por fim, para quem faz aniversário em novembro e dezembro, a data é 18 de dezem­bro de 2019. A data-limite para recebimento dos valores conti­nua sendo 31 de março de 2020.

Anteriormente, a previsão da Caixa era de que os saques imediatos somente seriam fina­lizados em 6 de março de 2020, quando seriam pagos os valores para quem faz aniversário em dezembro. Em 24 de julho, o governo anunciou a liberação de saques de até R$ 500 de con­tas ativas (referentes a contra­tos de trabalho atual) e inativas do FGTS. O limite é por conta. A projeção do governo era de que os saques injetassem R$ 40 bilhões na economia até 2020, sendo que R$ 28 bilhões seriam para este ano e R$ 12 bilhões para o próximo ano.

Com a mudança, os R$ 40 bilhões serão liberados já em 2019. A data limite para rece­bimento dos valores continua sendo 31 de março de 2020. Caso o saque não seja feito até essa data, os valores retornam para a conta de FGTS do tra­balhador, sem qualquer ônus. Quem tiver dúvidas sobre va­lores e direito ao saque pode fazer a consulta pelo aplicativo FGTS (disponível para iOS e Android), pelo site fgts.caixa.gov.br e pelo telefone de aten­dimento exclusivo, disponível 24 horas: 0800 724 2019.

Os saques de até R$ 500 es­tarão disponíveis nas casas loté­ricas e nos terminais de autoa­tendimento, para quem possui senha do cartão cidadão. Quem tem cartão cidadão e senha pode sacar nos correspondentes Caixa Aqui apresentando do­cumento de identificação. Já os saques de até R$ 100 poderão ser realizados em unidades lo­téricas, mediante apresentação de documento de identificação original com foto.

Cerca de 20 milhões de tra­balhadores poderão contar com essa facilidade. Para agilizar o atendimento, o trabalhador deve estar com sua carteira de trabalho em mãos no momento do saque. O Saque Imediato não altera o direito de sacar todo o saldo da conta do FGTS, caso seja demitido sem justa causa ou demais hipóteses previstas em lei. O saque de até R$ 500 por conta do Fundo de Garan­tia por Tempo de Serviço não significa adesão ao Saque-Ani­versário ou a perda do direito à multa rescisória, independente do canal de recebimento.

Comentários