Caixa antecipa saques do FGTS

0
28
MARCELO CAMARGO/AG.BR.

A Caixa Econômica Federal antecipou para 2019 o paga­mento do Saque Imediato de até R$ 500 por conta a todos os trabalhadores titulares de con­ta do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), ati­va ou inativa. A movimentação começa já nesta sexta-feira, 25 de outubro, para quem nasceu em fevereiro e março e não é correntista do banco estatal, que desenvolveu estratégias e tecno­logias específicas para a retira­da, visando gerar comodidade e conforto ao trabalhador.

Nesta etapa do calendário, cerca de oito milhões de pesso­as poderão sacar até R$ 500 de cada conta ativa ou inativa do FGTS. O total a ser recebido re­presenta aproximadamente R$ 3,4 bilhões. Em pouco mais de 40 dias, o banco estatal já credi­tou em conta mais de R$ 15,4 bilhões para cerca de 40% dos trabalhadores, aproximadamen­te 37,3 milhões de pessoas. De acordo com o presidente da Cai­xa Econômica Federal, Pedro Guimarães, a instituição tem demonstrado excelência na exe­cução desse pagamento.

“A estratégia adotada pela Caixa soma agilidade, eficiência e tecnologia. Neste quarto calen­dário, de trabalhadores nascidos em janeiro, pouco mais de 10% se dirigiu ao atendimento pre­sencial em agência. Essa eficiên­cia permite a antecipação do pa­gamento a todos os 96 milhões de trabalhadores até dezembro, possibilitando a injeção de cerca de 40 bilhões na economia ainda esse ano”, afirma.

Para quem possui conta de poupança na Caixa Econômica Federal, os valores já foram cre­ditados até o dia 9. Para quem não é correntista do banco, os saques podem ser feitos pelos canais de atendimento (lotéri­cas, agências, caixas de autoa­tendimento e correspondentes bancários). Neste caso, os paga­mentos começaram em 18 de outubro para os brasileiros com data de aniversário em janeiro.

Quem optar pela transfe­rência de recursos para outros bancos não precisará pagar nenhuma taxa. Pelo novo cronograma, divulgado nesta segunda-feira (21), todos os trabalhadores poderão sacar o valor referente ao saque ani­versário ainda em 2019. Para quem nasceu em fevereiro ou março, o início do saque será em 25 de outubro.

Para nascidos em abril e maio, o saque começa em 8 de novembro. Para quem faz ani­versário em junho e julho, o sa­que começa m 22 de novembro. Para quem nasceu em agosto, o início será em 29 de novembro. No caso de quem faz aniversário em setembro e outubro, a data de início é 6 de dezembro. Por fim, para quem faz aniversário em novembro e dezembro, a data é 18 de dezembro de 2019. A data-limite para recebimento dos valores continua sendo 31 de março de 2020.

Anteriormente, a previsão da Caixa era de que os saques imediatos somente seriam fina­lizados em 6 de março de 2020, quando seriam pagos os valores para quem faz aniversário em dezembro. Em 24 de julho, o governo anunciou a liberação de saques de até R$ 500 de con­tas ativas (referentes a contra­tos de trabalho atual) e inativas do FGTS. O limite é por conta. A projeção do governo era de que os saques injetassem R$ 40 bilhões na economia até 2020, sendo que R$ 28 bilhões seriam para este ano e R$ 12 bilhões para o próximo ano.

Com a mudança anuncia­da nesta segunda-feira, R$ 40 bilhões serão liberados já em 2019. Segundo Guimarães, a efi­ciência demonstrada pela Caixa “permite a antecipação do pa­gamento a todos os 96 milhões de trabalhadores até dezembro, possibilitando a injeção de cerca de R$ 40 bilhões na economia ainda esse ano”.

A data limite para recebi­mento dos valores continua sen­do 31 de março de 2020. Caso o saque não seja feito até essa data, os valores retornam para a con­ta de FGTS do trabalhador, sem qualquer ônus. Quem tiver dú­vidas sobre valores e direito ao saque pode fazer a consulta pelo aplicativo FGTS (disponível para iOS e Android), pelo site fgts.caixa.gov.br e pelo telefone de atendimento exclusivo, dis­ponível 24 horas: 0800 724 2019.

Os saques de até R$ 500 estarão disponíveis nas casas lotéricas e nos terminais de autoatendimento, para quem possui senha do cartão cida­dão. Quem tem cartão cidadão e senha pode sacar nos corres­pondentes Caixa Aqui apre­sentando documento de iden­tificação. Já os saques de até R$ 100 poderão ser realizados em unidades lotéricas, mediante apresentação de documento de identificação original com foto. Para agilizar o atendimento, o trabalhador deve estar com sua carteira de trabalho em mãos no momento do saque.

O Saque Imediato não al­tera o direito de sacar todo o saldo da conta do FGTS, caso seja demitido sem justa causa ou demais hipóteses previstas em lei. O saque de até R$ 500 por conta do Fundo de Garan­tia por Tempo de Serviço não significa adesão ao Saque- Ani­versário ou a perda do direito à multa rescisória, independente do canal de recebimento.

Saque-Aniversário
É uma nova opção oferecida ao trabalhador, em alternativa à sistemática de saque por resci­são do contrato de trabalho, que permitirá a retirada de parte do saldo da conta do FGTS, anual­mente, no mês do seu aniversá­rio. Para ter direito, é necessário que o trabalhador faça a opção por essa modalidade nos canais disponibilizados pela Caixa. Quem fizer a opção poderá sa­car um percentual do saldo do Fundo de Garantia, acrescido de uma parcela adicional, todos os anos, mas perde o direito de sacar o valor integral em caso de demissão sem justa causa.

Comentários