Jornal Tribuna Ribeirão

Capitão Gustavo Gómez exige reação do Palmeiras no Brasileiro a partir de sábado

CESAR GRECO / AG. PALMEIRAS

Depois do meio-campista Patrick de Paula afirmar, na terça-feira, que o Palmeiras vai continuar na briga pela dispu­ta do Campeonato Brasileiro, nesta quarta foi a vez do capi­tão Gustavo Gómez ratificar o desejo da equipe em buscar tí­tulos nas competições na qual ainda disputa, apesar da der­rota do fim de semana para o Flamengo, no Allianz Parque.

“Falei depois do jogo (contra o Flamengo), na con­centração, que tem de melho­rar, mas estamos trabalhando com o professor Abel (Ferrei­ra, técnico) para corrigir os erros e tratar de não aconte­cer mais. Ainda tem muitos jogos. Em 2018, estávamos mais ou menos assim e con­seguimos ganhar. Esse fim de semana vai ser importante fa­zer um bom jogo e tratar de conseguir uma vitória para brigar pelo Brasileirão”, disse o paraguaio, em entrevista à TV Palmeiras, referindo-se à partida contra a Chapecoen­se, sábado, às 17 horas, pela 21ª rodada do Brasileirão.

O atleta, de 28 anos, soma 145 partidas e 17 gols marca­dos pelo Palmeiras, equipe na qual conquistou quatro títulos e teve seu contrato prorro­gado até o fim de 2024. “Sou muito grato pela oportuni­dade de chegar ao Palmeiras para brigar pela Libertadores, poder ganhar e sempre querer mais. É uma motivação estar em um time grande, sempre briga por coisas importantes.”

O elenco do Palmeiras trei­nou nesta quarta-feira, na Aca­demia de Futebol. O técnico Abel Ferreira poderá contar para o duelo com a Chapecoen­se com Patrick de Paula, absolvi­do em julgamento do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Ele vai entrar na vaga de Zé Rafael, suspenso.

Abel deverá iniciar a par­tida em Santa Catarina com: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Pi­querez; Danilo, Patrick de Paula e Raphael Veiga; Dudu, Rony e Wesley.

Deixe o seu comentário:

Mais notícias

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com