CBF anuncia novo calendário do futebol brasileiro

0
28
LIVIA VILLAS BOAS/CBF

A Confederação Brasilei­ra de Futebol (CBF) divulgou nesta quinta (9) a atualização do calendário das competi­ções administradas pela en­tidade, que foram suspensas ou adiadas por causa da pan­demia do novo coronavírus (covid-19). Mas, mesmo com as mudanças de datas, os re­gulamentos foram mantidos. Agora, todas as disputas em nível nacional começarão nos meses de agosto e setembro, e encerrarão somente no ano que vem.

Desta forma, a Série A co­meça em 9 de agosto de 2020, terminando em 24 de fevereiro de 2021. Já a Série B inicia em 8 de agosto de 2020 e encerra em 30 de janeiro de 2021. A Série C dá o ponta pé inicial em 9 de agosto, com final em 31 de ja­neiro. Esta temporada marca a estreia do novo sistema de dis­puta da competição, aprovado por todos os 20 clubes parti­cipantes no Conselho Técnico de março deste ano. Por fim, a Série D começa em 6 de setem­bro de 2020 e termina em 7 de fevereiro de 2021.

A Copa do Brasil, que já começou, e foi interrompida na terceira fase, reinicia em 26 de agosto e encerra em 10 de fevereiro.

O presidente da CBF, Ro­gério Caboclo, diz que as al­terações foram necessárias para concluir as competições impactadas pela pandemia: “Este redesenho é a forma que encontramos para entregar o calendário integralmente e garantir o cumprimento dos compromissos assumidos pe­los clubes com os detentores de direitos televisivos, patroci­nadores e apoiadores”.

Com o calendário apertado por causa do longo período de inatividade das competições gerenciadas pela CBF (entre março e agosto), este ano ha­verá jogos em datas atípicas no futebol brasileiro. As semi­finais da Copa do Brasil serão disputadas em 23 de dezembro e 30 de dezembro. No ano que vem, também haverá novida­des, na primeira quinzena de janeiro serão realizadas par­tidas pelas quatro séries do Campeonato Brasileiro. Este intervalo, geralmente, integra o período de férias e pré-tem­porada dos jogadores que atuam no Brasil. Porém, o di­reito constitucional dos atletas foram antecipados para abril, o que permitiu esta alteração no cronograma.

Comentários