China tem mais de 1,4 bi de habitantes

0
14
JASON LEE/ REUTERS

O Departamento Nacio­nal de Estatísticas da China anunciou, em Pequim, que a população do país aumentou em mais de 4,6 milhões em relação ao ano anterior e ul­trapassou 1,4 bilhão de habi­tantes, pela primeira vez, no fim de 2019 – é o mais habi­tado todo o planeta.

Em 2016, o governo chinês aboliu a política de filho úni­co, que vigorava há mais de 30 anos. Hoje, os casais podem ter dois filhos. Contudo, a taxa de natalidade continua a cair por causa de fatores como alto custo para a criação dos filhos em cidades e mudança nos es­tilos de vida.

Segundo o departamento, 14,6 milhões de bebês nasce­ram no ano passado na China. Houve uma queda de 580 mil em comparação com o ano an­terior, e é o terceiro ano conse­cutivo de declínio anual.

A taxa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) da China caiu para o seu mais baixo nível em 29 anos depois de uma disputa comercial de dois anos de duração com os Estados Unidos. O Escritório Nacional de Estatísticas dis­se que a economia expandiu 6,1% em 2019. Este é o mais baixo nível registrado pela segunda maior economia do mundo desde 1990.