Com Moacir Júnior, Botafogo soma mais pontos, faz mais gols e continua vivo na Série B

0
274
Aproveitamento do Botafogo subiu para 41,7% após a chegada de Moacir Júnior (Foto: Agência Botafogo)

Invicto em 2021, o Botafogo parece ter virado a chave e entrado de vez na briga para permanecer na Série B do Campeonato Brasileiro. Com duas vitórias e um empate – um triunfo com propriedade diante da Chapecoense e sua primeira virada na competição diante do Sampaio – o time ribeirão-pretano voltou a sonhar com a permanência.

A mudança de postura do Botafogo – que chegou a ter 99,9% de chance de rebaixamento – pode ser explicada, principalmente, pela troca no comando técnico. Depois da chegada de Moacir Júnior, o Tricolor melhorou seu rendimento e tem atualmente um aproveitamento de 41,7%.

Sob o comando do treinador, o Botafogo fez 12 jogos, somando 3 vitórias, 6 empates e 3 derrotas. Antes, com Claudinei Oliveira, foram 22 jogos, com 3 empates, 5 vitórias e 14 derrotas, totalizando um aproveitamento de 27,3%. Os números mostram um crescimento de 14,4% no aproveitamento do Tricolor nesta reta final de competição.

O que também melhorou após a troca de treinador foi o setor ofensivo. Com Moacir foram 10 gols marcados em 12 partidas. Já com Claudinei, o Tricolor balançou a rede em apenas 14 oportunidades em 22 jogos disputados.

Após a vitória diante do Sampaio Corrêa, o técnico Moacir Júnior falou sobre o entendimento tático dos jogadores e destacou a força de vontade do elenco botafoguense.

“Estamos trabalhando forte para que o ano de 2021 seja diferente para o Botafogo. Espero que os jogadores continuem tendo esse entendimento de como é o nosso jogo. Nós jogamos com muita amplitude quando temos a bola. Esse entendimento, esse respeito que os jogadores têm com a comissão, isso acaba contribuindo para que tenhamos um ambiente de coisas boas”, afirmou Moacir.

“Tivemos problemas de lesão no hotel, os jogadores em tratamento até a hora do jogo, para que eles pudessem se doar, se sacrificar pelo clube neste momento que exige esse sacrífico de todos. Eu, particularmente, confesso que tenho dormido pouco, me dedicando ao estudo e análise dos adversários e pensando em fazer o clube ter um ano melhor”, concluiu.

Sem tempo para comemorar, o Botafogo já se prepara para o duelo decisivo diante do América-MG, que acontece na sexta-feira (15), às 21h30, no estádio Independência, em Belo Horizonte. Para a partida, o técnico Moacir Júnior não vai poder contar com as presenças de Michel Douglas e Matheus Anjos, que estão suspensos.

Comentários