RAFAEL ALVES/COMERCIAL FC

A paralisação do Campe­onato Paulista Série A3 já está começando a tirar o sono dos dirigentes dos clubes que in­tegram a divisão. A extensão do período sem jogos pode causar prejuízos ainda maio­res do que os registrados na pausa do ano passado.

Esse é o caso do Comer­cial, que segue o cronograma para terminar a competição em junho. Segundo José Lou­renço, diretor de futebol da equipe, caso a data não seja cumprida, o Leão do Norte viverá dias difíceis.

“Por enquanto não [tem prejuízo], existem os treina­mentos, a alimentação, como se tivesse a competição. Mas a partir do momento que estender, aí vai ser um custo real. A gente realmente torce para que tudo melhore, o sis­tema de saúde, para que pos­samos voltar a fazer futebol” disse Lourenço ao site globo­esporte.com.

O dirigente também re­forçou outros problemas que dificultam a vida financeira do clube como a proibição da venda de cerveja dentro do estádio – vigente em Ribeirão Preto desde maio de 2019 -, bloqueio de cotas e alugueis e ressaltou o apoio da torcida nas ações gastronômicas.

“O custo que temos é sem precedentes. Primeiro foi a proibição da venda de cerve­ja, que tirou uma renda mui­to grande da gente. Depois o momento da pandemia, mui­to adverso, afastou o público. Infelizmente nossa situação é muito difícil. A gente faz al­gumas ações gastronômicas, alguns torcedores ajudam, dirigentes, mas a receita é pequena perto do custo men­sal”, afirmou.

“A sobrevivência, no con­texto geral dos clubes da A3, nós não temos cota da FPF, os aluguéis estão bloqueados [dos anexos do estádio Palma Travassos], temos que fazer milagre para continuar com as portas abertas“, completou.

Luto no Leão
Faleceu nesta quinta-fei­ra (8) a torcedora ilustre do Comercial, Maria de Lour­des Oliveira, a Lurdinha. Ela tinha 69 anos e foi vítima de um acidente vascular cere­bral (AVC).

Torcedora e conselheira do clube, Lurdinha ganhou mais notoriedade em 2018, quando ajudou a torcida al­vinegra organizar uma cara­vana para o estádio Martins Pereira, onde o Bafo enfren­tou o São José, nos duelos que definiram o acesso. Em suas redes sociais, o Comercial homenageou a torcedora.