Comércio de RP aposta na Black Friday

0
89
JF PIMENTA

João Camargo

A cada ano que passa, o fenômeno Black Friday se ins­taura cada vez mais na popula­ção brasileira. Com início nos Estados Unidos, a data é utili­zada por diversas lojas, on-line ou física, para aplicar descon­tos em suas mercadorias. Neste ano, o evento acontecerá nesta sexta-feira, 27 de novembro.

Em Ribeirão Preto, de acordo com o Sindicato do Comércio Varejista (Sinco­varp) e da Câmara de Dirigen­tes Lojistas (CDL) de Ribeirão Preto – que atuam de forma coligada –, a data já está entre as três principais do calendá­rio do comércio, com maior volume de vendas.

Nesse ano atípico, que vem sendo prejudicial ao comércio, os lojistas estão depositando suas esperanças na Black Fri­day e no Natal, até para tenta­rem terminar o ano minimi­zando os efeitos negativos da pandemia.

Ainda segundo o Sinco­varp, na prática, a Black Friday é a primeira onda das vendas de fim de ano, levando em conta que ela coincide com a primeira parcela do 13º salá­rio. Por conta disso, as pessoas podem acabar aproveitando as promoções nessa data para já garantir parte dos presentes de Natal com um bom desconto.

Segundo pesquisa da Con­federação Nacional de Diri­gentes Lojistas (CDNL), as vendas de fim de ano devem movimentar pelo menos R$ 39 bilhões na economia do país. “Ribeirão Preto vai seguir essa tendência uma vez que é a cida­de polo de consumo para toda a macrorregião”, comunicou o Sindicato por meio de nota.

Para suprir tamanha expec­tativa, as lojas que participarem da Black Friday vão se preparar para atender um volume maior de clientes tanto no ponto de venda físico quanto no comér­cio eletrônico.

No entanto, o Sincovarp ressalta que, apesar da grande espera pela data, os lojistas e consumidores terão de seguir os protocolos de prevenção à covid-19 já estabelecidos no Plano São Paulo e confirmados pela Prefeitura.

Por conta disso, algumas regras ainda precisam ser se­guidas: usar máscara, evitar aglomerações, respeitar o dis­tanciamento, usar álcool em gel, só for às compras quando for necessário e evitar levar pessoas dos grupos de risco.

Shoppings
Além dos comércios de rua, os shoppings também entrarão nessa ‘brincadeira’. O Tribuna entrou em contato com os qua­tro empreendidos da cidade e reuniu as informações quanto aos horários de funcionamento na sexta-feira e promoções que cada uma irá fazer:

– Shopping Iguatemi
Horário de funcionamento: das 10h às 22h.

Promoções: entre os dias 23 e 29 de novembro, as lojas do shopping estarão com descon­tos de até 80% em diversos itens como artigos de moda, eletrôni­cos, beleza, acessórios e infantis.

Além dos descontos dis­ponibilizados pelos lojistas, os clientes do Iguatemi terão a oportunidade de participar de uma ação de descontos por meio de balões disponíveis em um carrinho que circulará pelo empreendimento.

O shopping também re­alizará ações especiais no ambiente físico e no digital. Por meio de um QR Code, os clientes poderão acessar uma página única com todos os descontos oferecidos por lojistas e também com um cardápio virtual com as ope­rações de alimentação.

– RibeirãoShopping e ShoppingSantaÚrsula
Horário de Funcionamento: das 10h às 22h.

Promoções: administrados pela mesma empresa (Multi­plan), o RibeirãoShopping e o ShoppingSantaÚrsula irão pro­mover a partir do dia 23 de no­vembro a Maratona Black Friday.
Nela, haverá ofertas com descontos de até 70% nas ca­tegorias de eletroportáteis, beleza e cosméticos, roupas e acessórios, eletrônicos, deco­ração, cama e mesa.

Por meio do aplicativo Multi – que pode ser baixado pela App Store e Play Store –, o RibeirãoShopping irá ofe­recer uma seleção de ofertas para que o cliente possa pla­nejar as compras antes de sair de casa ou adquirir pelo pró­prio aplicativo, com entrega em até 24 horas.

Para quem preferir fazer compras por drive thru, seja no RibeirãoShopping ou no Sho­ppingSantaÚrsula, o aplicativo oferece ainda um canal de venda direta que facilita a experiência.

– Novo Shopping
Horário de funcionamento: das 12h às 22h.
Promoções: estarão a critério das lojas.

Para o coordenador do Procon em Ribeirão Preto, é crucial realizar uma fiscalização prévia dos produtos que se pretende comprar na Black Friday

Precaução
Apesar de poder aprovei­tar grandes descontos durante a Black Friday, é importante que o consumidor fique aten­to e tome algumas precauções para não cair em falsas pro­moções. De acordo com Feres Junqueira Najm, coordenador do Proco- em Ribeirão Preto, para inibir esses descontos en­ganosos é crucial realizar uma fiscalização prévia.

“Tanto os órgãos de defesa dos consumidores, quanto os próprios consumidores devem acompanhar os preços e ofertas de maneira antecipada. Essa é a melhor forma de inibir as eventuais práticas abusivas ou enganosas. Verificar se o mer­cado, os fornecedores não fa­zem manobras no sentido de ir aumentando o preço dos pro­dutos ou serviços quando da proximidade da Black Friday”, comentou Najm.

Outro fator que é necessário levar em consideração é a com­pra on-line. Segundo dados do Procon, no primeiro semestre de 2020, as reclamações quanto a venda virtual supera em mais de 74% quando comparada ao mesmo período do ano anterior – 1.152 reclamações em 2020 e 662 reclamações em 2019.

Ainda de acordo com o Procon, as questões mais re­clamadas são a não entrega do produto, a demora e problemas com cobranças. Najm acredita que a migração da relação de consumo ao mercado on-line já era uma realidade que vi­nha acontecendo em um ritmo constante, contudo, nesse perío­do de pandemia, o mercado na internet acabou recebendo um volume de fornecedores que não estavam preparados para esse novo nicho.

“A pandemia trouxe para essa fatia do negócio àquele fornecedor não tinha familiari­dade com tal tecnologia e isso gerou diversos problemas com o mercado online. As empresas que não tinham esse trabalho, se viram com um mundo novo, e, não estavam totalmente prepa­radas para isso”, finaliza Najm.

Dicas
Para melhor aproveitar a data e se precaver de golpes, o Proco- de Ribeirão Preto dispo­nibilizou, por meio de uma cartilha, dicas que podem beneficiar o consumidor durante esta Black Friday.

ALFREDO RISK

Algumas dessas são:
– Dias antes do evento verifique o preço do produto, capturando telas, se possível, e no dia da promoção observe se o produto adquirido se encontra entre os produtos da promoção;

– Evite realizar depósitos bancários em nome de pessoa física e em caderneta de poupança para evitar eventuais aborreci­mentos;

– Verifique se o fornecedor enviou o termo de garantia dos produtos;

– Pesquise no Proco- de sua cidade se o site possui muitas reclamações contra ele;

– Observe se o site utiliza um sistema de pagamento protegido. Via de regra os sites usam HTTPS:// ou a imagem de um cadeado;

– Embora o site envie para o seu e-mail um resumo da sua compra, não de ixe de fazer a captura da tela em que consta o seu pedido. Para isso, utilize a tecla “print screen” do seu teclado e cole em um editor de texto.

Comentários