Regras de trânsito para pedestres
Se levada a sério pelos fiscais – especialmente os “Marronzinhos” –, a nova Resolução do Contran que determina multa para pedestres e ciclistas que não respeitam as leis de trânsito, tem tudo para melhorar a educação do cidadão e corrigir uma série de distorções que afetam boa parte do mercado, especialmente o comércio e o publicitário. De vendedores ambulantes (de qualquer coisa) a distribuidores de material publici­tário (os famosos panfletos), uma verdadeira legião toma conta das ruas diariamente e afeta negativamente o que já é ruim por essência, fruto do descompasso aumento de frota X investimentos na malha viária.

A concorrência é desleal…
Para os comerciantes estabelecidos e todas as regras que são obrigados a cumprir; para os artistas que alugam espaços, confeccionam ingressos e pagam impostos para fazer um espetáculo e para o mercado publicitário que abriga estrutura formal, mas que “concorre” com empresas de distribuição de panfletos, onde seus funcionários são dependentes do uso de banheiros em outras empresas (postos de gasolina, farmácias, bares etc.) e que, para beber água, são obrigados a manter uma garrafa “pet” rodando em busca da melhor sombra dos postes.

Todos afetam o já combalido sistema de trânsito…
Porque para atuarem em suas “profissões”, transitam entre os veículos, fora da faixa de pedestres, colocando em risco o negócio estabelecido, a própria vida e também a dos motoristas, especialmente os motociclistas… Ferem, por tudo, a tal da equidade.