Foto: Evan Vucci
Por Associated Press

A Coreia do Norte estaria reativando as instalações que mantinha para o lançamento de foguetes de longo alcance, após tê-las abandonado no ano passado, com a abertura de negociações com os Estados Unidos para a desnuclearização do país. Na semana passada, um encontro de cúpula entre o presidente americano, Donald Trump, e o líder norte-coreano, Kim Jong-un, realizado no Vietnã, terminou em fracasso. 

O jornal JoongAng Ilbo, da Coreia do Sul, informou nesta quarta-feira, 6, que o serviço secreto do país relatou a parlamentares que a plataforma de lançamento de Tongchang-ri estaria sendo reativada. O site 38 North, especializado na cobertura da Coreia do Norte, informou que imagens de satélite indicam que as movimentações no local começaram entre os dias 16 de fevereiro e 2 de março. 

Desmontar partes da plataforma estava entre os vários passos que a Coreia do Norte se comprometeu a dar após iniciar o diálogo com os Estados Unidos, do qual a Coreia do Sul também participa. Foi a partir das instalações que o país realizou diversos lançamentos de foguetes nos últimos anos, o que foi interpretado pela comunidade internacional como o desenvolvimento de tecnologia nuclear. 

A reportagem do jornal sul-coreano cita como fontes deputados que participaram da reunião com o Serviço Nacional de Inteligência, que ocorreu na terça-feira, 5. O diretor do órgão, Suh Hoon, teria dito aos parlamentares que coberturas e portas estão sendo recolocados nos edifícios da plataforma.

Comentários