De técnico novo, Botafogo volta a jogar mal e perde mais uma na Série B

0
94
JF Pimenta

Mudou o técnico, mas o que não mudou foi a rotina de derrotas do Botafogo na Série B. Na noite desta segunda-feira (23), jogando no estádio Santa Cruz, o Pantera caiu diante do Avaí com o placar de 1 a 0. Airton fez o único gol da partida.

Com o resultado, o Tricolor segue agonizado na zona da degola, na 19ª colocação, com apenas 18 pontos. O Próximo compromisso é na quinta-feira (26), às 21h30, diante do Figueirense, no estádio Orlando Scarpelli.

A partida marcou a estreia de Moacir Júnior, que logo de cara, sentiu na pele o tormento que é comandar o Botafogo em 2020. Com pouco tempo para trabalhar – assumiu o time no sábado após a saída de Claudinei – o novo comandante a equipe cometer os mesmos velhos erros já conhecidos pelo torcedor botafoguense.

Apesar de ainda restar uma quantidade significativa de jogos, como o time não esboça ter forças para mudar o panorama, a fuga da Série C parece se tornar, cada vez mais, um milagre no Botafogo.

O Jogo

Estreando um novo treinador, o Botafogo foi para a partida contra o Avaí com a missão de começar uma reação na Série B. Com algumas mudanças pontuais no time titular como a volta de Matheus Anjos e Rafinha jogando centralizado, o Pantera prometia mais ofensividade. Só prometia.

O Tricolor até assustou primeiro, aos 7 minutos. Rafinha dominou bonito na entrada da área e soltou uma bomba. Bem posicionado, Glédson fez ótima defesa.

Como de costume, não demorou muito para o sistema defensivo do Botafogo falhar e o Avaí abrir o placar. Aos 20 minutos. Valdívia bateu falta ensaiada para Alemão, que cruzou na área e encontrou Airton livre para testar a bola para o fundo da rede.

Como também é de costume, depois de sofrer o gol, o Pantera se desorganizou e quase levou o segundo aos 28 minutos. Após confusão na área, Romulo mandou uma meia bicicleta, mas a defesa botafoguense cortou e evitou o gol.

A melhor chance do Pantera na primeira etapa foi só aos 38 minutos. Após cobrança de escanteio, Romão desviou de cabeça e a bola sobrou para Rafinha, que deu um leve toque e quase marcou.

A primeira parte do jogo não teve tanta emoção, mas o Avaí marcou e o Botafogo até chegou a levar algum perigo. Na segunda metade do jogo, nada de bom ofensivamente falando pôde ser visto.

Os muitos erros de passes e a falta absoluta de criatividade de ambos os times ditou o ritmo da parte final da partida.

Nem mesmo as alterações feitas por Moacir Júnior, duas bizarras, aos 45 minutos do segundo tempo, mudaram o panorama do confronto e o Pantera carimbou sua 15ª derrota nesta edição da Série B.

Comentários