Dueto ‘online’ reúne tenor e maestro

0
34

O tenor Jean William, reconhecido internacional­mente e descoberto pelo ma­estro João Carlos Martins, é o destaque na programação do “Circuito Cultural e Artístico – Temporada 2020” da Insti­tuição Aparecido Savegnago, que acontece neste sábado, 28 de novembro, a partir das 19 horas, com transmissão ao vivo pelo canal do Youtube da entidade.

A apresentação do tenor Jean William será em forma­to de dueto com o maestro Rubens Russomanno Ric­ciardi, da USP Filarmônica, que fará o acompanhamento ao piano. Essa é a segunda edição do evento, que mes­cla a apresentação de jovens talentos e nomes da música brasileira consagrados inter­nacionalmente em recitais no auditório “Isaura Bolsoni Sa­vegnago”, que fica na própria Instituição.

No entanto, em virtude dos protocolos de saúde, neste ano, sem a presença de público. De acordo com Lucas Galon, di­retor artístico da Instituição Aparecido Savegnago e cura­dor da mostra, será a primeira apresentação do tenor em um evento da entidade, que tem como objetivo permitir o con­tato dos alunos com grandes nomes da área.

“A proposta é que o aluno tenha uma troca de experiên­cia com esses talentos. O Jean é uma pessoa muito próxima dos professores e da direção, mas será a primeira vez que ele se apresenta na Instituição Aparecido Savegnago. Esse será o terceiro recital do cir­cuito da temporada 2020, que é uma forma de devolver para a sociedade uma oportunida­de de acompanhar concertos de alto nível”, diz Galon.

De Barrinha para o mun­do – O tenor Jean William, que é natural de Barrinha, na Região Metropolitana de Ri­beirão Preto, já cantou para o papa Francisco na Jornada Mundial da Juventude, no Rio de Janeiro, em 2013, e para o príncipe de Mônaco, além de ter se apresentado em alguns dos principais te­atros do mundo como em Milão (Itália), Nova York (Estados Unidos), Emirados Árabes, Índia, Argentina, en­tre outros.

De acordo com ele, a apre­sentação será um dueto ao lado de Rubens Russomanno Ricciardi, maestro da USP Fi­larmônica, que fará o acom­panhamento ao piano, com um repertório de músicas eruditas e sacras. “O maestro é professor de música da USP, onde me formei, e o repertó­rio será de música erudita e sacra como “Ave Maria”, de Gounod, e uma canção de Natal, já que estamos no final do ano”, adianta William.

Para o tenor, o projeto de formação musical oferecido pela Instituição Aparecido Savegnago é de fundamental importância para o desenvol­vimento de talentos e reali­zações dos sonhos de muitas crianças e adolescentes. “O projeto de formação musical é essencial porque existem muitos talentos em nossa re­gião e é um privilégio ter um espaço como a Instituição Aparecido Savegnago”, diz.

“Oferecer a oportunida­de para o desenvolvimento desses talentos de uma forma técnica, em um espaço ade­quado e com profissionais que têm comprometimento com a música. É admirável o trabalho da família Savegna­go que se propôs a ajudar os talentos de nossas cidades em uma iniciativa que merece to­dos os aplausos por ser muito nobre, por realizar os sonhos de outras pessoas, pelo amor pela música e pela humani­dade”, afirma William.

Sobre a IAS
A Instituição Apareci­do Savegnago atende cerca 160 alunos, entre crianças e adolescentes da cidade de Sertãozinho e do distrito de Cruz das Posses, que parti­cipam de cursos de violino, violoncelo, viola, contrabai­xo, clarinete, flauta, saxofone, trompa, trombone, trompete, violão, teoria da música, can­to coral, teatro, dança (balé e jazz), ética e cidadania e artes plásticas, além de saúde da criança, que é realizado por uma psicóloga.

Em 2020, a Instituição Aparecido Savegnago está re­alizando o Projeto Beija-Flor – ano 3, que foi aprovado por meio do mecanismo de in­centivo fiscal do Programa Nacional de Apoio à Cultura (Pronac), do governo fede­ral, via Secretaria Especial da Cultura/Ministério do Turis­mo, e que também conta com o patrocínio da Rede Saveg­nago de Supermercados e da empresa Triex.

Comentários