Folia terá Eliana Pittman e Fabiana Cozza

0
57

O carnaval no Sesc Ribei­rão Preto terá atrações varia­das para quem curte a Folia de Momo. A festa começa neste sábado, 22 de fevereiro, e vai até terça-feira (25). As apresen­tações do Coletivo Tutu Dee­jays, Maracatu Chapéu do Sol, Eliana Pittman, Bat Macumba e Fabiana Cozza serão na Área de Convivência e no Ginásio, tudo grátis.

O Coletivo Tutu Deejays, o Maracatu Chapéu do Sol e o Bat Macumba estarão na Área de Convivência, sempre no início da tarde. Já os shows de Eliana Pittman e Fabiana Co­zza serão no Ginásio do Sesc, com capacidade para receber 800 pessoas em pé.

Todos os eventos têm cen­sura livre para todas as idades. O Sesc Ribeirão Preto Fica na rua Tibiriça nº 50, na região central – entre a avenida Dou­tor Francisco Junqueira e a rua Visconde do Rio Branco. Mais informações pelo telefone (16) 3977-4477.

Coletivo Tutu Deejays
O Coletivo Tutu Deejays vai apresentar seu “Bailinho” na Área de Convivência, no sá­bado (22) e no domingo (23), sempre a partir das 14 horas. O grupo de amigos se reúne para compartilhar ideias e músicas em um clima descontraído e animado, prezando sempre a diversidade. Desta vez o foco é o público infantil, sua ludicida­de e alegria.

Maracatu Chapéu de Sol
Fundado em 2008, o gru­po pratica e vivencia a cultura do maracatu de baque virado. Através da percussão, do canto e da dança do maracatu, que é uma manifestação artística, re­ligiosa e cultural afro-brasilei­ra, o Maracatu Chapéu do Sol compartilha com o público a experiência de vibrar e ressoar as toadas de diversas nações, saldando e fortalecendo este Patrimônio Histórico e Cul­tural originário do estado de Pernambuco. Será na segun­da-feira, às 14 horas, na Área de Convivência.

Bat Macumba
Bat Macumba vai apre­sentar o show “Samba Re­ggae”, na terça-feira (25), a partir das 14 horas, também na Área de Convivência. Traz uma mistura de influências do reggae, samba, dancehall, rap e candomblé, o que im­prime muita africanidade e brasilidade em seu swing. Suas apresentações são com­postas por vinhetas bem ela­boradas que se entrelaçam ao ritmo envolvente dos tambo­res e às composições autorais.

O grupo atualmente é for­mado por Rudah Felipe (voz, composições e arranjos), An­drea Mille (voz e surdo e per­cussões), Ariane Mille (voz e contra-surdo), Marcelo Barbo­sa (voz, concepção eletrônica e caixa), Amarildo “Bob Júnior” Pereira (voz e timbal) e Cauê Cesar (repinique).

Eliana Pittman
Eliana Pittman, a “rainha do carimbó”, estará em Ribei­rão Preto com o show “Do samba ao carimbó”, na se­gunda-feira (24), a partir das 16 horas, no Ginásio do Sesc. Grande personagem da músi­ca brasileira, a versátil cantora apresenta um novo espetácu­lo reunindo samba e carimbó, dois dos mais genuínos ritmos brasileiros. O repertório vai de clássicos de Martinho da Vila, Paulinho da Viola, Candeia, além dos carimbós de Pinduca e uma seleção de carnaval com marchinhas e sambas enredo.

Fabiana Cozza
Fabiana Cozza vai animar a festa com o show “Balancê”, na terça-feira (25), a partir das 15h30, no Ginásio do Sesc. Amante do carnaval de mar­chinhas que conhece de perto desde criança, a cantora pro­põe um resgate do baile à fan­tasia e da atmosfera e alegria dos salões carnavalescos de antigamente.

O espetáculo tem início com o grito de “Ó Abre Alas”, de 1898, escrita por Chiquinha Gonzaga (1847-1935), avan­çando no tempo com clássicos como “O teu cabelo não nega”, “Pegando fogo”, “Quem sabe, sabe”, “Máscara negra”, “Auro­ra”, “Hino do Carnaval Brasi­leiro” e chega à década de 1980 com compositores contempo­râneos como Moraes Moreira e Caetano Veloso.