A inscrição de interesse para novos alunos e alunas do Projeto Guri – maior progra­ma sociocultural brasileiro, mantido pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo – será realizada até 21 de junho de 2021, de maneira online, para os polos de ensino do interior e litoral de São Paulo.

Para participar, não é pre­ciso ter conhecimento prévio de música, nem possuir ins­trumentos ou realizar testes seletivos. São 10.362 vagas para 30 cursos gratuitos de música, oferecidos no contra­turno escolar, para crianças, adolescentes e jovens de 6 a 18 anos incompletos. Na Regional Ribeirão Preto são 1.312 vagas disponíveis em 31 polos.

Há vagas em Ribeirão Preto, Franca, Altinópolis, Barrinha, Batatais, Bebedouro, Cajuru, Cândido Rodrigues, Cravinhos, Dumont, Guará, Guaíra, Igara­pava, Ipuã, Itirapuã, Ituverava, Jaborandi, Jaboticabal, Migue­lópolis, Monte Alto, Monte Azul Paulista, Morro Agudo, Orlân­dia, Santa Rosa de Viterbo, São Joaquim da Barra, São Simão, Serrana, Sertãozinho, Taquari­tinga, Terra Roxa e Viradouro.

As aulas são para apren­der a tocar bandolim, cavaco, percussão, oficina de musi­calização, teclado/piano, tec­nologia musical, viola caipira e violão (8 anos); acordeon, clarinete, coral juvenil, flau­ta transversal e saxofone (9 anos); baixo elétrico, bateria, oboé, eufono, guitarra elétri­ca, trombone, trompa, trom­pete, viola, violino e violon­celo (10 anos); contrabaixo (12 anos); tuba (13 anos); lu­teria (14 anos); coral infantil e iniciação musical (mínimo de seis e máximo de 8 anos).

Para fazer a inscrição, o responsável deve acessar o link no site do Projeto Guri e preencher o formulário a partir de qualquer platafor­ma (celular, tablet, compu­tador, etc). As matrículas são realizadas por ordem de cadastro. O link é http://wae.projetoguri.org.br:8080/ waeweb/servlet/hnwvcndrw­dg?1,2021,2,1.

No formulário deverão constar os dados do aluno ou da aluna – nome completo, data de nascimento, número do Registro Geral (RG) ou certidão de nascimento, cor da pele, sexo, e-mail, telefone e endereço – e do responsá­vel: – nome completo, grau de parentesco e e-mail.

Deverão constar ainda a escolha do polo de ensino (por município), do curso (conforme as opções de dias e horários disponíveis no polo) e a segunda opção de curso (para quem escolheu um instrumento ou iniciação musical há também a opção do curso de coral).

Deve constar se o candidato ou candidata possui síndrome ou transtorno, e se está em medida socioeducativa ou medida pro­tetiva, a renda familiar e quanti­dade de pessoas que moram na residência e, após preenchimento, clicar em “enviar” para que seja ge­rado o número de protocolo refe­rente ao processo.

Matrícula
O preenchimento e envio do formulário de inscrição não garante a matrícula. Essa de­penderá da quantidade de vagas disponíveis no curso escolhido e a ordem de inscrição. Caso haja a vaga, o candidato rece­berá da coordenação do polo, posteriormente, um e-mail de boas-vindas com o número de matrícula e senha de acesso ao Portal do Aluno. No portal, o guri deverá anexar os docu­mentos solicitados e preencher o questionário social.

Caso não haja vaga no momento, o cadastro entra­rá, automaticamente, na lista de espera. Lembrando que as matrículas são realizadas por ordem de inscrição. Os formulários continuarão va­lendo para o período e vagas remanescentes que estará em vigor entre os dias 2 e 20 de agosto de 2021. Os endereços dos polos estão no site www. projetoguri.org.br.

Aulas no Projeto Guri
As aulas terão início a partir do dia 9 de agosto e, independentemente do re­torno presencial, alunos e alunas terão acesso às aulas e atividades por meio da plata­forma de ensino a distância. Em razão dos impactos da pandemia de covid-19, as au­las no Projeto Guri seguirão de modo remoto.