Foto: João Camargo

Uma menina, de 9 anos, e outra, de 20 anos, morreram antes de conseguirem ser socorridas; a mulher do autor também foi esfaqueada e encaminhada até a Santa Casa de Barretos

Um homem, de 32 anos, que não teve a identidade revelada, foi preso em flagrante, na segunda-feira, 3 de maio, suspeito de matar a filha, de 9 anos, e a enteada, de 20 anos, a facadas no município de Colina, na região de Ribeirão Preto.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP), o homem ainda teria tentado cometer suicídio. Em boletim de ocorrência registrado, a mulher do autor informou que teve uma discussão com ele e acabou sendo agredida por golpes de faca.

Na sequência, o homem teria esfaqueado a enteada e a filha, que morreram antes de conseguirem ser socorridas. A mulher e o autor, após tentar suicídio, foram encaminhados até a Santa Casa de Barretos.

O jornal Tribuna entrou em contato com o hospital para mais informações sobre o estado de saúde de ambos, porém, até a publicação dessa matéria, não foi obtido retorno.

Ainda segundo a SSP-SP, três facas foram apreendidas na residência em que ocorreu o crime. O caso foi registrado como feminicídio, tentativa de feminicídio e tentativa de suicídio no plantão da seccional de Barretos.