Um homem de 35 anos mor­reu e cinco operários da cons­trução civil ficaram feridos em um acidente registrado no final da madrugada desta sexta-feira, 4 de agosto, na Rodovia Mário Donegá (SP-291), que liga Ribei­rão Preto a Dumont, Pradópolis, Barrinha e Guariba. Thiago Jus­ti perdeu o controle da picape que dirigia depois de atropelar uma capivara – há uma várzea às margens da estrada – e bateu de frente com um ônibus que transportava trabalhadores.

O trecho ficou parcialmente interditado entre 6h30 e 8h30, e houve lentidão no local. Se­gundo o tenente do Corpo de Bombeiros Fernando Roberto, o ônibus transportava traba­lhadores da construção civil que saíram de Guariba e Pradópolis. Cinco pessoas ficaram feridas, entre elas o condutor. O moto­rista da picape morreu no local, preso às ferragens. Ele morava em Pradópolis.

Segundo a Polícia Militar Rodoviária (PMRv), neste ano já foram registrados 45 acidentes envolvendo animais na região de Ribeirão Preto contra 48 de 2016 inteiro. As vítimas foram leva­das a hospitais em Sertãozinho e Pradópolis. Uma ambulância da Prefeitura de Dumont auxiliou no transporte dos feridos até as uni­dades de saúde.

A capivara morta foi encon­trada próxima aos veículos, o que indica que o animal foi atingido por um deles e provocou o aciden­te posterior. A picape ficou com­pletamente destruída e o ônibus parou em uma mata ao lado do acostamento. O tenente do Corpo de Bombeiros diz que, segundo o motorista do ônibus, a picape en­trou na faixa dele.

No sábado passado, 29 de ju­lho, o Departamento de Estradas de Rodagem (DER), órgão vin­culado à Secretaria de Logística e Transportes, publicou no Diário Oficial do Estado (DOE), o edi­tal de licitação para contratação de empresa especializada para elaboração do projeto executivo da recuperação da pista, dos acos­tamentos e melhorias da Mário Donega, entre Ribeirão Preto, Dumont, Barrinha e Pradópolis. As obras estão orçadas em R$ 2,6 milhões, com recursos do Estado.

A SP-291 receberá serviços de recuperação da pista, dos acostamentos e melhorias, entre o quilômetro zero ao 10,10 e do 12,32 ao quilômetro 26,34. Além disso, serão executadas melho­rias no anel viário de Pradópolis, composto pelas SPA 193/253, do zero ao quilômetro 2,42 e da SPA 197/253, do zero ao quilômetro 2,92. O DER prevê a conclusão dos serviços em dez meses, com início previsto para a segunda quinzena de outubro.

Além de fomentar a econo­mia e a infraestrutura para o es­coamento das produções agrícola e industrial, as obras beneficiarão diretamente mais de dois mi­lhões de habitantes da região de Ribeirão Preto. A abertura dos envelopes – contendo as propos­tas de preço e documentação das empresas interessadas em partici­par da concorrência pública – está agendada para 18 de setembro, na sede do DER.

 

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui