Jornal Tribuna Ribeirão

Indonésia – ‘Vulcão’ já causou 22 mortes

ANTARA FOTO/ZABUR KARURU

Um vulcão na Indonésia voltou a ficar ativo nesta se­gunda-feira, 6 de dezembro, lançando nuvens quentes de cinzas, dois dias depois de uma erupção violenta matar ao me­nos 22 pessoas e deixar deze­nas de desaparecidos.

O Monte Semeru, a mon­tanha mais alta da ilha de Java, entrou em erupção dra­maticamente no sábado (4), disparando uma coluna im­ponente de cinzas que cobriu vilarejos próximos. Imagens aéreas mostraram telhados emergindo de uma paisagem de cinzas.

Em terra militares, poli­ciais e moradores revolviam a lama com as mãos para re­tirar vítimas. O número de mortos subiu para 22 nesta segunda-feira, e 27 pessoas estavam desaparecidas, disse a agência de mitigação de de­sastres da Indonésia.

O vulcão voltou a entrar em erupção nesta segunda-feira, confirmou o Centro Indonésio de Mitigação de Desastres de Vulcanologia e Geologia em sua conta no Twitter, aler­tando para uma atividade sísmica contínua. “O Semeru é um dos vulcões mais ativos da Indonésia, ele continuará ativo”, disse Liswanto, chefe do Observatório do Vulcão Semeru, à Reuters.

Alguns moradores volta­ram para casa a fim de verifi­car os pertences e o gado, mas Liswanto pediu às pessoas que se mantenham a uma distância segura. “As pessoas precisam ser mais vigilantes, porque a ameaça em potencial persiste”, acrescentou. A Indonésia tem cerca de 100 vulcões ativos.

Mais notícias

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com