Kaique Rocha vê desejo do grupo de jogadores em seguir no Comercial

0
21
RAFAEL ALVES/COMERCIAL FC

Mesmo com dificuldades para arrecadar durante a pa­ralisação do futebol por conta da pandemia do novo corona­vírus, a diretoria do Comercial trabalha com otimismo a pauta das renovações contratuais.

Ao que tudo indica, o elen­co alvinegro também tem o mesmo positivismo em relação à continuidade do trabalho na Série A3. Algumas peças-chave do elenco já manifestaram a in­tenção de seguir no clube.

Segundo Kaique Rocha, go­leiro titular na arrancada que tirou o Leão do Norte da bri­ga na parte de baixo da tabela e colocou o time na zona de classificação para os playoffs, a vontade do grupo é de continu­ar buscando o acesso e o título da competição.

“Acredito que todos têm a vontade de permanecer, até pela nossa sequência positiva. Estávamos em uma crescente boa, cinco jogos invictos, saí­mos da zona de rebaixamento para o G-8. Nosso primeiro ob­jetivo é esse, classificar entre os oito melhores e passo a passo conseguir o acesso e conquistar o título”, afirmou.

O caso de Kaique é diferen­te de grande parte do grupo, o goleiro tem contrato com o Alvinegro até o final desta tem­porada. Contudo, o jogador reiterou sua vontade de ficar e citou novamente sua vontade de ganhar títulos com a camisa do Comercial.

“Tenho vínculo com o Co­mercial até dezembro e sigo tranquilo quanto a isso. Vínha­mos em uma crescente boa no Paulista e espero que a gente possa dar andamento de onde paramos, rumo ao acesso e rumo a uma situação melhor para o Comercial. Passado isso, caso não tenha o Campeonato Paulista, ainda teremos a Copa Paulista e pretendo continuar, dar andamento, conseguir títu­los no Comercial, alavancar o clube para que no fim do ano a gente veja o que vai ser melhor para as duas partes”, finalizou.

Apesar do otimismo e da vontade em continuar a com­petição dentro de campo, ain­da não existe uma data esti­pulada para o retorno. Com o alarmante aumento dos casos confirmados e óbitos no Bra­sil, a tendência é que o futebol ainda permaneça um bom tempo paralisado.