Larga Brasa

0
45

GPS flagrou menos ônibus nas ruas
O superintendente da Transerp, Antonio Carlos de Oliveira Junior, em entrevista a nossa coluna afirmou que o sistema de GPS dos ônibus apontou a retirada de veículos de 39 li­nhas em um único dia por conta do Consórcio PróUrbano, unilateralmente. Afirmou que encaminhou a irregularidade para Secretaria de Negócios Jurídicos para as providências cabíveis, conforme determina o contrato.

Decisão da Justiça do Trabalho
No final de semana, porém, a Transerp foi comunicada que a Justiça do Trabalho determinou que o transporte coletivo urbano de Ribeirão Preto operasse com a frota reduzida em 40%. Também determinou adequação nas escalas de tra­balho dos motoristas, entre outras mudanças, como forma de prevenção contra o coronavírus.

Ação do sindicato
A decisão judicial atendeu uma solicitação do Sindicato dos Empregados em Empresas de Transporte Urbano e Suburbano de Passageiros de Ribeirão Preto e Região (See­turp). Junior manteve reunião com as empresas do PróUrbano na última sexta-feira e pediu a troca de ônibus com prazo de validade vencidos.Nos últimos dias foram duas reuniões para que sejam feitos ajustes no atendimento à população. Tam­bém constatou-se, segundo ele, que por conta do coronaví­rus mais de 30% dos passageiros deixaram de se utilizar do transporte coletivo urbano.