Papa critica fiscalização da Transerp
O vereador Marcos Papa (Cidadania) criticou a fiscalização da Transerp em todos os aspectos relacionados ao transporte coletivo urbnano. Aponta para a falta de higiene nos ônibus, a ausência de regularidade dos veículos nas linhas e a falta de espaçamento entre os passageiros para evitar a propagação do coronavírus.

Taxa de gerenciamento
A direção da Transerp também está tentando receber a taxa de Gerenciamento devida pelas empresas de ônibus, que atual­mente estaria na casa dos R$ 5 milhões. Ainda existe depósi­to relativo ao transporte escolar e aos cartões das passagens urbanas cujo resgate está sendo estudado pela empresa com acionistas fora do setor público.

Multas aplicadas
O superintendente Antonio Carlos Oliveira Junior também já informou que multas por falta de cumprimento do trajeto das linhas urbanas têm sido aplicadas nas empresas prestadoras de serviço do transporte, mas que nunca ocorreu uma defa­sagem da falta de 39 linhas em um único dia. A multa será aplicada com as providências do setor jurídico da prefeitura.