Larga Brasa

0
51

Projeto das cozinheiras
Os vereadores de Ribeirão Preto se reunirão extraordinariamen­te nesta quarta-feira, 13 de janeiro, para tratar de um assunto que deu muita polêmica nos últimos meses de 2020. Será votada mensagem do prefeito Diuarte Nogueira (PSDB) sobre a contra­tação de cozinheiras e desligamento das atuais nos próximos dias. O Sindicato dos Servidores Municipais é contra a medida.

Plano Diretor
Terminamos o período administrativo de Duarte Nogueira em sua primeira etapa. A promessa feita pelo secretário de Plane­jamento e Gestão Pública, Edsom Ortega, de entregar as peças que compõem o Plano Diretor, não foi cumprida. Estava mar­cada e registrada nos anais da Câmara que referidos projetos de lei seriam encaminhados até novembro de 2019. Nada se enviou e nem foi alegado por quais motivos. Agora, é preciso fazer o necessário, e com urgência.

Uso e ocupação do solo
Uma das peças mais importantes é a da Lei de Parcelamento, Uso e Ocupação do Solo, que regra os futuros loteamentos do município. Além desta peça, há outras de muita importância, particularmente agora com a pandemia, que é a lei do Mobi­liário Urbano. Regra todos os espaços de utilidade pública, inclusive a Lei da Cidade Limpa.

Morde e assopra
Alguns vereadores que se apresentaram como verdadeiros pa­ladinos das causas populares eram chamados de a “Turma do Morde e Assopra”. Nas sessões legislativas, faziam alarde dos erros, equívocos e exortavam a que o povo cobrasse do chefe do Executivo as “enérgicas e duras providências”. Nas saletas pré-gabinetes, porém, se apresentavam dóceis, mansos e sem o ímpeto das tribunas. È só analisar e conferir.

Comentários