Jornal Tribuna Ribeirão
Geral

Larga Brasa

Escorpião
Escorpiões têm assustado famílias nos bairros mais distantes de Ribeirão Preto. O acúmulo de tijolos e de madeira velha atra­em os aracnídeos, principalmente os amarelos, que se multipli­cam com rapidez pois não necessitam do macho para a geração de filhotes. A barata é o alimento dos escorpiões. Ultimamente, os aci­dentes com escorpiões têm vitimado muitas crianças e chegamos ao registro de idosos que foram picados. Neste ano, segundo fon­tes da Secretaria da Saúde, tivemos um recorde de ocorrências.

Força-tarefa
Antigamente havia um setor próprio da prefeitura de Ribeirão Preto para combate dos escorpiões. Os funcionários percor­riam casas com porões e quintais com madeira e tijolos para borrifar o veneno BHC, que era muito efetivo contra os arac­nídeos. No entanto, à época, houve um alerta para que não se utilizasse o produto pelos malefícios que o mesmo impactava nos organismos das pessoas.

Veneno
Nunca mais se utilizou o referido BHC. Na época em que era secretário da Saúde, Luis Carlos Raya mandou limpar os terre­nos baldios pulverizando venenos contra ratos e escorpiões. Não houve acidentes significativos. Laboratórios desenvolve­ram pesquisas para encontrar venenos capazes de matar es­corpiões. Existe uma fábrica em Jardinópolis e há um grande laboratório que tem um produto químico testado contra tais aracnídeos. A prefeitura precisa tomar estas providências, limpando áreas de terrenos baldios.

Mais notícias

Obra em praça vai custar R$ 435,5 mil

Redação 1

Doria e Garcia visitam Ribeirão Preto em campanha pelas prévias

Redação 1

Projeto do Pardo custará R$ 3,1 mi

Redação 1

Destaques da edição: 22 de outubro de 2021

Redação 1

Bolsonaro é acusado de cometer 10 crimes

Redação 1

Larga Brasa

Redação 1
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com