O Ministério do Turismo é uma das cinco Pastas do poder executivo que integram o comitê do Programa Federal de Apoio à Geração de Emprego e Renda no Rio de Janeiro. O decreto de criação do comitê foi publicado nesta terça-feira (21) no Diário Oficial da União. O comitê tem a finalidade de propor e coordenar atividades, eventos e projetos visando à revitalização do estado, estímulo ao desenvolvimento econômico-social e à geração de emprego e renda.

De acordo com o documento, o comitê será formado por um representante titular e um suplente da Secretaria-Geral da Presidência da República, a quem caberá a coordenação; dos ministérios do Turismo, da Cultura, do Desenvolvimento Social, do Esporte e do Instituto Brasileiro do Turismo (Embratur).

“O Rio de Janeiro é o portão de entrada do Brasil. O Ministério do Turismo está comprometido a apoiar o estado na atração de mais turistas, gerando assim emprego e renda para a população”, afirmou o ministro do Turismo, Marx Beltrão.

Em setembro deste ano, o Governo Federal lançou o calendário de eventos “Rio de Janeiro a Janeiro” para estruturar e fortalecer o calendário de eventos turísticos, esportivos e culturais no estado. Com os eventos, estima-se aumentar em 20% o fluxo de turistas na cidade que, segundo estudo da FGV, ao final de 2018, terá o impacto de R$ 6,1 bilhões na economia do estado. Este incremento também ajudará na criação de 170 mil novos empregos.

No mesmo mês, o MTur apresentou o calendário para um grupo de empresários que participaram do Fórum da Associação Brasileira de Agências de Viagens Corporativas (Abracorp), realizado durante a ABAV Expo. A ideia foi sensibilizar os agentes para incluir o Rio na lista de destinos aptos a receber feiras e eventos de negócios.