Patricia Abravanel diz que marido tem de perdoar traição se houver arrependimento

0
59
Por Ludimila Honorato

O nome de Patricia Abravanel figurou nos trending topics do Twitter, devido a algumas declarações que ela fez no dia anterior sobre traição no Programa Silvio Santos. Durante o Jogo dos Pontinhos, a apresentadora disse que o marido tem de perdoar a mulher caso ela dê uma “escorregadinha” e se arrependa.

A discussão sobre o tema começou quando Silvio Santos brincou com a filha: “Eu não ia contar, mas me disseram tudo do seu marido. Já sei tudo”, comentou ele, referindo-se ao deputado federal Fábio Faria. Depois, o apresentador perguntou em quais dias da semana o parlamentar ia para Brasília, ao que Patricia respondeu: “Terças e quartas ele dorme fora de casa.”

Em seguida, de acordo com a gravação do programa disponibilizada no YouTube, ela afirma que “nem todo homem trai”. “É muito trabalho trair, ainda mais que você vai trocar a família, sua esposa, seus filhos por um corpo bonitinho?”, questionou. “Gente, meu marido não me trai, tenho um casamento ótimo, graças a Deus. Se vocês não têm com o de vocês, o problema é de vocês”, prosseguiu.

Voltando-se para a brincadeira do quadro, Silvio Santos fez uma pergunta para a plateia que tinha relação com o que estava sendo discutido. “É normal uma esposa que gosta do marido, mas infelizmente saiu uma vez só com um rapaz, é normal o marido continuar com ela ou não é normal? É normal deixar ela ou não é normal?.”

O apresentador pediu a opinião de Patricia, e ela respondeu: “Não é normal [o marido deixar a mulher]. Tudo depende da situação, da ocasião, de como o casamento está. Provavelmente, ela caiu nas tentações de um homem bonito porque o marido não estava ali cuidando dela, falando que ela era linda e admirando, apreciando. Aí ela pegou, saiu na rua, vê um cara mais bonito… eu acho que o marido tem de perdoar, não é normal ele deixar dela. Tem de perdoar.”

O posicionamento dela foi contrariado pelos demais participantes do quadro, exceto por Flor Fernandez, que também defendeu o perdão diante de uma traição. Patricia, ao rebater comentários de Helen Ganzarolli, reforçou seu pensamento. “Aquele que nunca pecou que atire a primeira pedra. Eu acho que um casamento… às vezes… não sei o que é um casamento de 40 anos, 25 anos. E aí, se cai numa tentação, o marido tem que perdoar se ela se arrependeu”, disse a apresentadora.

Ela comentou, ainda, que uma amiga está passando por uma situação parecida, sendo que o marido não quer perdoar devido ao “orgulho”. “Eu aconselho você, marido, que sofreu um ‘chifrinho’, a mulher deu uma ‘escorregadinha’, [que] você volte para sua esposa se ela estiver arrependida, volte pelo bem maior que é a família, engole o seu orgulho”, completou Patricia.

Comentários