FOTOS: JF PIMENTA/ ESPECIAL PARA O TRIBUNA

Em visita á redação do Tri­buna nesta sexta-feira, 7 de ju­nho, o presidente nacional do Partido Democrático Brasileiro (PDT), o ex-ministro Carlos Lupi, afirmou que a sigla quer ter candidato próprio a prefeito em Ribeirão Preto nas próximas eleições municipais, em 2020. Para ele, o presidente da Câmara de Vereadores, Lincoln Fernan­des, tem o perfil ideal.

“Estamos trabalhando para convencê-lo a sair candidato. Ele tem meu apoio, o do ex-ministro Ciro Gomes e de lide­ranças como a Tábata Amaral, deputada federal por São Pau­lo”, afirma Lupi. O vereador, que acompanhou o presidente do PDT na visita, apenas sor­riu ao ouvir a frase. O ex-mi­nistro do Trabalho esteve em Ribeirão Preto para participar do Encontro Regional do PDT, que aconteceu na Câmara.

Carlos Lupi disse ao Tribuna que quer lançar a candidatura de Lincoln Fernandes para a prefeitura de Ribeirão Preto em 2020

Além do futuro do partido, o ex-ministro Carlos Lupi tem percorrido o Brasil para discutir com a população pautas impor­tantes, como a reforma da Pre­vidência e o contingenciamento de verba da educação. Nas 25 cidades que compõem a Regio­nal Ribeirão Preto, o PDT elegeu dois prefeitos, três vices-prefei­tos e 26 vereadores.

A bancada parlamentar ribeirão-pretana é a maior da região e conta com seis vere­adores – Lincoln Fernandes, Orlando Pesoti, Nelson Ste­fanelli, o “Nelson das Placas”, Rodrigo Simões, Luciano Mega e Jean Corauci. Na ca­pital paulista, o nome mais cotado atualmente para a dis­puta à prefeitura é o da depu­tada federal Tábata Amaral.

Fundado em maio de 1980, o partido, segundo o presidente do Diretório Municipal em Ri­beirão Preto, Lincoln Fernandes, sempre adotou como princípio a defesa dos direitos trabalhistas, estudantes, professores, mulhe­res, negros, índios e crianças, garantindo a soberania nacional contra concessões a grupos es­trangeiros.

Comentários