Jornal Tribuna Ribeirão

Pista de skate já estimula crianças

A molecada não perdeu tempo. Desde que foi inaugura­da, no sábado passado, 9 de ou­tubro, a moderna pista de skate de Ribeirão Preto vem atraindo jovens de todas as idades, me­ninos e meninas praticantes do esporte, da cidade e também da região. A maioria prefere a área reservada para o street (plana, com corrimãos e rampas) e pou­cos se arriscam no skate park, es­paço que parece uma piscina.

As manobras são radicais nas duas modalidades, mas no skate park os praticantes che­gam a “voar” pra fora da pis­ta. O complexo RP Skate Park fica no Parque Maurílio Biagi, na região Central da cidade. O projeto leva a assinatura de um dos maiores skatistas de todos os tempos, Bob Burnquist – dez ve­zes campeão mundial, sete vezes eleito o melhor skatista do ano e maior medalhista dos X-Games, com 30 conquistas.

O equipamento trouxe ou­tro visual para o município. “A pista de skate vai se transformar em um novo cartão de visita da nossa cidade, sempre no senti­do virtuoso, para que tenhamos uma pista qualificada aqui em Ribeirão Preto”, diz o prefeito Duarte Nogueira (PSDB).

O projeto de Bob Burnquist foi idealizado pelo Instituto Nova Era, que fez a doação da planta e trouxe a parceria com o atleta para Ribeirão Preto. O megacampeão participou da solenidade de inauguração ao lado do prefeito e do secretário de Esportes, André Trindade, e espera que a moderna pista ri­beirão-pretana seja um incen­tivo para a revelação de novos talentos do skate.

“É raro ver pistas como esta pelo mundo. Existem muitas pistas de skate no mundo e no Brasil, mas não com este nível de interação e de profissio­nalismo que iremos ver neste momento do skate. Eu vou tra­tar essa pista como se tivesse construído em casa”, conclui.

A pista tem cerca de quatro mil metros quadrados de área e reúne em um espaço comum várias modalidades do skate. Também conta com arquiban­cada, espaço para juízes e atle­tas e toda a infraestrutura que a atividade necessita, tornan­do-se uma das mais completas pistas do Brasil.

A construção da pista esta­va orçada em R$ 2.214.907,63, mas com a licitação, o custo foi reduzido para R$ 1.660.652,95, gerando uma economia de 25% (R$ 554.254,68) aos co­fres públicos. Com a inserção do skate nos Jogos Olímpicos (nas modalidades park e street masculina e feminina), a pro­cura por locais para prática e treinamento aumentou.

Essa procura vai tornar a pista de Ribeirão Preto referên­cia entre os praticantes. O Brasil conquistou três medalhas de prata nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, com Rayssa Leal e Kelvin Hoefler no street e com Pedro Barros no skate park.

Deixe o seu comentário:

Mais notícias

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com