FOTOS: FL PITON/ CCS

O Poupatempo Ribeirão Preto foi inaugurado em 5 de dezembro de 2003, no Novo Shopping, na avenida Presiden­te Kennedy nº 1.500, bairro da Ribeirânia. Nesta quarta-feira (5), no aniversário de 15 anos do posto, os usuários foram recebi­dos com festa pelos funcionários durante o expediente. Na come­moração teve balões coloridos, corais infantis, pipoca, algodão-doce e bolo.

O prefeito Duarte Nogueira Júnior (PSDB) esteve no local junto com o gerente da unidade, José Wilson Ricciardi, e a repre­sentante executiva da prefeitura de Ribeirão Preto no Poupa­tempo, Adriana Carvalho, pres­tigiando as comemorações. O posto recebe, diariamente, cerca de sete mil usuários de vários municípios da região.

Os serviços mais solicitados são emissão da cédula de identi­dade (registro Geral, o RG), Car­teira Nacional de Habilitação (CNH), licenciamento de veí­culos, atestado de antecedentes criminais e Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS).

Para os munícipes, a insta­lação do posto da prefeitura no Poupatempo, com vários servi­ços oferecidos, agilizou muito o atendimento. “Além de ser um serviço rápido, transparente e em ambiente apropriado, com funcionários treinados, o índice de aprovação pelo usuário é de 99% a 100%”, diz Ricciardi.

No total, o Poupatempo ofe­rece mais de 250 serviços, inclu­sive os da prefeitura de Ribeirão Preto. Todos são analisados e es­tudados antes de serem implan­tados. O Posto de Atendimento do município registrou 24.371 atendimentos em outubro de 2018. No período de outubro de 2017 a outubro deste ano, foram 328.649.

Poupatempo de Ribeirão Preto completou 15 anos e o prefeito Duarte Nogueira participou da festa na unidade do Novo Shopping Center

Os serviços mais solicitados no posto são referente ao Banco do Povo Paulista (BPP, informa­ções e consultas), segunda via de conta de água do Daerp, emissão do Documento de Arrecadação Municipal (DAM, Secretaria Mu­nicipal da Fazenda), Secretaria Municipal da Educação (informa­ções e consultas), Setor de Proto­colo e multa de trânsito municipal e transferência de pontos de infra­ção ( Transerp).

Desde maio deste ano, os mi­croempreendedores individuais (MEIs) de Ribeirão Preto contam com o espaço que oferece suporte e orientação para instalação de pe­quena empresa ou regularização da situação de microempreen­dedores. “O MEI responde dia­riamente por 100 atendimentos”, informa Adriana Carvalho, repre­sentante executiva da prefeitura no Poupatempo.

Pode se tornar um MEI o microempresário que possuir fa­turamento anual limitado a R$ 81 mil, não possuir sociedade, admi­nistrar ou ser titular em nenhu­ma outra empresa e contratar, no máximo, um empregado, além de exercer uma das atividades econô­micas previstas em lei. Em 2017, a prefeitura foi responsável pela abertura de 1.764 empresas mi­croempreendedoras. Neste ano, de janeiro a maio, chegou a 1.044.