Jornal Tribuna Ribeirão

Prefeitura quer RP na lista dos MITs

FOTOS: PREFEITURA DE RIBEIRÃO PRETO

Para garantir e ampliar a abrangência de políticas pú­blicas para o desenvolvimento do turismo de Ribeirão Preto, o prefeito Duarte Nogueira (PSDB) assinou nesta quar­ta-feira, 15 de setembro, o projeto de lei que oficializa a intenção de qualificar a cidade como Município de Interesse Turístico (MIT) junto ao Esta­do de São Paulo.

“Agora, o projeto segue para votação na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) para que nossa ci­dade receba a qualificação e, assim, possamos potencia­lizar o turismo de negócios, aumentar o fluxo de pessoas em Ribeirão Preto e permitir a geração de empregos e de renda a nossa população”, diz o chefe do Executivo.

Prefeito Duarte Nogueira (PSDB) assina projeto que oficializa a intenção de qualificar Ribeirão Preto como Município de Interesse Turístico (MIT)

A secretária da Cultura e Turismo, Isabella Pessotti, afirma que foram cumpridos quatro itens necessários para aprovação do projeto de Lei. “Cumprimos a pesquisa de demanda, levantamos o inven­tário turístico, implantamos o posto de informações turísti­cas e o prefeito sancionou on­tem (terça-feira, dia 14) a lei complementar que reformulou o Conselho Municipal de Tu­rismo”, explica.

A criação dos MITs tem como objetivo ampliar e quali­ficar a oferta turística do Esta­do de São Paulo. Com exceção das 70 estâncias, que têm um re­gime próprio e consolidado por décadas, todos os demais 575 municípios paulistas podem se tornar MIT. Para isso, devem preencher alguns critérios.

Deve ter potencial turísti­co, um Conselho Municipal de Turismo, serviço médico emergencial, infraestrutura básica, Plano Diretor de Tu­rismo e atrativos turísticos reconhecidos. Os MITs estão distribuídos pelas 16 regiões administrativas do Estado e, com as 70 cidades classifica­das estâncias, compõem uma oferta turística variada e des­centralizada, que abrange um terço dos municípios paulistas.

No ano passado, para que as 210 cidades turísticas do Es­tado – 70 estâncias e 140 MITs – estivessem mais bem prepa­radas para a retomada das via­gens no pós-pandemia, foram repassados R$ 223,3 milhões, com foco na continuação e conclusão das obras em an­damento. O mesmo princípio vem sendo adotado em 2021, quando devem ser entregues mais de 100 obras.

Com a aprovação do pro­jeto de lei que classificaria Ri­beirão Preto como Município de Interesse Turístico (MIT), a cidade passa a receber recursos anuais do governo do Estado que podem ser destinados a in­vestimentos na infraestrutura turística. A utilização da verba deve fomentar a ampliação e o fortalecimento das atividades econômicas do município.

Deixe o seu comentário:

Mais notícias

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com