PT local na mira de Luciano Hang, da Havan

0
531
Reprodução

O Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) em Ribeirão Preto está sendo processado pelo empresário e dono da rede Havan, o bolso­narista Luciano Lang. A ação foi impetrada na 25ª Vara Cível de São Paulo depois que o site Rede PT reproduziu uma postagem do jornalista Fábio Pannunzio, ex – Rede Bandeirantes, na qual diz que o dono das lojas de departa­mentos sonega impostos.

O PT foi notificado pela Jus­tiça de São Paulo na quarta-feira, 13 de novembro. A postagem de Pannunzio ocorreu no começo de setembro, após um comentário atribuído ao dono das Lojas Ha­van de que o “amigo do (Guilher­me) Boulos diz que vai empreender e virar um capitalista”. A frase seria uma resposta do empresário ao fato de Pannunzio postar em suas redes sociais sua saída da Bandeirantes.

Só para contextualizar, Gui­lherme Boulos é professor, polí­tico e escritor. Filiado ao Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), é membro da Coordenação Na­cional do Movimento dos Traba­lhadores Sem Teto (MTST) e foi candidato a presidente da Repú­blica, pelo PSOL, nas eleições do ano passado.

Nesta semana, em decisão li­minar emitida a pedido da defesa do empresário, a juíza Leila Has­sem da Ponte, da 25ª Vara Cível de São Paulo, determinou que a postagem fosse retirada do ar por Pannunzio e pelo PT de Ribeirão Preto sob pena de multa. A defesa do Partido dos Trabalhadores será feita pelo advogado e presidente do Diretório Municipal, Jorge Ro­que Souza.

Considerado um crítico do governo do presidente Jair Bolso­naro, Pannuzio também publicou o seguinte texto em suas redes so­ciais ao anunciar a saída da Band. “Amigos, comunico a vocês que estou deixando a Rede Bandeiran­tes depois de mais de duas décadas de uma relação muito produtiva e feliz. Saio para cuidar da saúde porque preciso ter, por recomen­dação médica, uma vida menos tensa e mais pacata”.

Comentários