O Festival de Cannes, mostra de cinema que ocorre em maio na França, anunciou seus filmes selecionados para a edição de 2019. Quatro obras brasileiras figuram entre os escolhidos, duas delas competindo pela Palma de Ouro, principal premiação, e outras duas na mostra alternativa Um Certo Olhar.

O diretor pernambucano Kléber Mendonça Filho, que já exibiu em Cannes seu filme Aquarius, em 2016, concorre novamente com seu novo longa, Bacurau, em codireção com Juliano Dornelles. O filme foi descrito como uma mescla de gêneros como faroeste e ficção científica em pleno sertão nordestino.

Traidor, dirigido pelo italiano Marco Bellocchio, narra a história de Tommaso Buscetta, mafioso italiano que alcaguetou seus antigos companheiros da Cosa Nostra e se refugiou no Brasil Ambos os filmes concorrem à Palma de Ouro.

Fora da disputa pelo prêmio máximo de Cannes estão A Vida Invisível de Eurídice Gusmão, de Karim Ainouz, e Port Authority, de Danielle Lessovitz.

Comentários