Ribeirão Preto Rugby está na Série B do Paulista em 2020

0
21

No último sábado, 9 de no­vembro, o Ribeirão Preto Ru­gby Clube conquistou o acesso à Série B do Campeonato Pau­lista de 2020. Depois da derrota da final da Série C para o Rio Preto, a equipe ribeirão-pretana foi para a repescagem e venceu o São Bento, por 25 a 19, em jogo realizado no campo do ad­versário, em São Paulo.

Com apenas três anos de existência, o Ribeirão Preto Ru­gby conquista cada vez mais es­paço entre os grandes clubes do estado. Com passagem rápida pela Séries Desenvolvimento e C do campeonato, a equipe ribei­rão-pretana agora ocupa lugar na segunda divisão e está focada a fazer mais uma excelente cam­panha em 2020.

“O objetivo principal para 2019 era realizar bons jogos e para isso precisávamos de um grupo sólido de atletas para de­senvolver tática e tecnicamente a equipe e isso nós conquis­tamos. O outro objetivo, que era subir, conquistamos agora. Não foi possível levantar a taça de campeão, mas fizemos uma ótima final com o Rio Preto, um time que este ano, de fato, jogou melhor”, avalia o técnico, Daniel Tiezzi.

Mesmo fora de casa, o time de Ribeirão começou pressio­nando e logo no início do jogo conseguiu um penal que con­verteu abrindo o placar em 3 a 0. Aos 21 minutos, o São Ben­to marcou seu primeiro try, acertou o chute de conversão e, logo depois, mais um try com conversão, ampliando o placar para 14 a 3.

Mesmo pressionando o Ribeirão Rugby não conse­guia finalizar suas jogadas na primeira etapa e apenas no úl­timo lance do primeiro tempo marcou seu primeiro try que, sem converter o chute, rendeu mais 5 pontos e diminuiu a di­ferença para 14 a 8.

A conversa com a comissão técnica no intervalo deu resul­tado e o time visitante voltou melhor pro segundo tempo. Logo aos 3 minutos marcou seu segundo try que também não conseguiu converter o chute, co­lando no placar em 14 a 13.

O São Bento sentiu a pres­são e deu o troco 4 minutos de­pois com um try também sem conseguir converter o chute. Com seis pontos de desvanta­gem, Ribeirão continuou em cima, e, aos 12 minutos, mar­cou outro try sem conversão voltando a ficar com apenas um ponto de desvantagem. Com 19 a 18 no placar o jogo ficou pesado e competitivo.

Faltando 10 minutos para o fim do jogo, Ribeirão mar­cou mais um try e converteu o chute definindo o placar final em 18 x 25. Os visitantes, en­tretanto, não recuaram, man­tendo a pressão sobre o adver­sário até o final do jogo.