CESAR GRECO /PALMEIRAS

João Victor Cristovão

A Roma avançou na ne­gociação com o Palmeiras para ter em definitivo o late­ral-esquerdo Matias Viña. Os clubes ainda não sacramenta­ram o acordo, mas tudo indi­ca que o negócio será fechado por cerca de 11 milhões de euros (R$ 68 milhões).

O Alviverde é dono de 57,5% dos direitos econômicos do joga­dor. O dono da outra fatia é o Na­cional do Uruguai. A ideia do Pal­meiras é fazer um acordo para ter um percentual maiorna negocia­ção, que hoje seria de 6,3 milhões de euros (R$ 39 milhões).

Em 2020 o time de São Paulo pagou 3,5 milhões de euros (R$16,5 milhões na co­tação da época) por 50% dos direitos do jogador e depois, por obrigação de contrato, comprou mais 7,5%.
O time italiano, coman­dado por José Mourinho, está em busca de um lateral­-esquerdo após Spinazzola romper o tendão de Aquiles durante a Eurocopa.