JF PIMENTA/ ESPECIAL PARA O TRIBUNA

A Secretaria de Estado da Saúde lançou nesta terça-feira, 16 de julho, o “Hora Marcada”, um aplicativo que tem o obje­tivo de otimizar o acesso e o conforto dos usuários do Sis­tema Único de Saúde (SUS), funcionando como uma “agenda digital”. O primeiro município a receber o aplicati­vo foi Ribeirão Preto, onde já está disponível para os pacien­tes de dez Unidades Básicas de Saúde (UBS’s). O projeto será expandido gradativamente na cidade e, na seqüência, para outros municípios paulistas.

O app foi desenvolvido pela Companhia de Proces­samento de Dados do Estado de São Paulo (Prodesp). O lançamento foi feito pelo go­vernador João Doria (PSDB) e o secretário da Saúde, José Henrique Germann Ferreira, em solenidade no Palácio Rio Branco, em Ribeirão Preto.

No “Hora Marcada”, o pa­ciente pode visualizar as datas e horários dos seus agendamen­tos de consultas e exames, bem como cancelar e reagendar, caso não possa comparecer na data ou horário oferecido.

É possível solicitar agenda de clínico geral, ginecologista, pediatra e odontologista da Unidade Básica de Saúde de referência do munícipe. Para agendamento de especialida­des e exames é necessário o encaminhamento médico da UBS. O aplicativo também pode ser utilizado por mais de uma pessoa, ou seja, crianças e idosos podem ser cadastrados por seus cuidadores, mediante comprovação de responsabili­dade e apresentação do cartão SUS em uma UBS de vínculo.

Dados da Secretaria Mu­nicipal da Saúde referente aos quatro primeiros meses do ano – janeiro a abril – revelam que neste período foram agenda­das 39.474 consultas nas espe­cialidades da rede municipal. Deste total, 30% em media dos pacientes faltaram. O projeto piloto com o aplicativo come­çou em junho na UBS Doutor Rubens Lisandro Nicoletti Fi­lho, no Jardim José Sampaio, na Zona Oeste, e em menos de um mês foi ampliado para ou­tras nove UBS’s, sendo a mais recente a UBS Oswaldo Cruz, na Vila Mariana, onde o app passou a ser disponibilizado na segunda-feira, 15 de julho.

Desde meados de junho, 1.161 ribeirão-pretanos vincu­lados às UBS’s participantes já se cadastraram no aplicativo, que já conta com mais de 3,7 mil acessos. Até o momento, foram cerca de 500 agenda­mentos, 170 cancelamentos e mais de 70 reagendamentos. Para ter acesso ao “Hora Mar­cada”, o paciente deverá baixar o app, disponível gratuitamen­te na Google Store e, em breve, na Apple Store.

Após a instalação, é preciso preencher informações básicas como número do cartão do SUS e cadastro de Pessoa Fí­sica (CPF). O “passo a passo” do uso pode ser consultado em http://horamarcada.saude. sp.gov.br/, onde há um vídeo tutorial e uma relação de Per­guntas Frequentes para orien­tar a população.

Unidades que já têm o aplicativo
– UBS Doutor Rubens Lisandro Nicoletti Filho Rua Elydio Vieira de Souza nº 50, Jardim José Sampaio
– UBS Professor Jacob Renato Woiski Avenida Independência nº 4.315, Jardim João Rossi
– UBS Wilma Delphina de O. Garotti Rua 21 de Abril nº 779, Vila Tibério
– UBS Carlos Chagas Rua Maria Abranches de Faria nº 550, Vila Abranches
– UBS Doutor José Carlos Say Rua Cruz e Souza nº 3.170, Jardim Maria das Graças
– UBS José Ribeiro Ferreira Rua Madre Maria Teodora Voiron nº 110. Jardim São José
– UBS DoutorLuiz Philipe Tinoco Cabral Rua Antônio Vicco nº 201, Adão do Carmo Leonel
– UBS Adalberto Teixeira Andrade Rua Tabatinga nº 320, Vila Recreio
– UBS Doutor João Paulo Bin Avenida Dom Pedro I nº 1.359, Ipiranga
– UBS Oswaldo Cruz Rua Ribeirão Preto nº 1.070, Vila Mariana

Comentários