TÂNIA RÊGO/AG.BR.

A Secretaria Municipal da Saúde vai disponibilizar, a partir das 8h30 desta sex­ta-feira, 9 de abril, o agen­damento para a aplicação da segunda dose da vacina con­tra a covid-19 em idosos com idade entre 72 e 74 anos imu­nizados anteriormente com a Coronavac, desenvolvida no Brasil pelo Instituto Butantan em parceria com a biofarma­cêutica chinesa Sinovac.

Para essa faixa etária, a vaci­nação acontecerá entre segun­da (12) e quarta-feira, 14 de abril. Foram disponibilizadas dez mil vagas para esse grupo etário. A vacinação terá início ás 8h30 horas, em 36 Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) dis­tribuídas por Ribeirão Preto.

A secretaria ressalta que a vacina será oferecida apenas para quem já tomou a primei­ra dose da Coronavac. Os ido­sos desta faixa etária vacinados com o produto da Universida­de de Oxford/AstraZeneca te­rão de aguardar.

O cadastro deve ser feito no site da prefeitura de Ribei­rão Preto (www.ribeiraopre­to.sp.gov.br). Também pode ser realizado pelos telefones 3977-9441 ou 3977-9442. Os acamados desta faixa etária podem receber a vacina em sua própria casa, por meio do Serviço de Atenção Do­miciliar (SAD). Basta aces­sar o site da prefeitura e fazer o agendamento.

O telefone é 3977-7111. Nos locais de vacinação (UBS’s), os idosos devem apresentar algum documen­to oficial com foto – Registro Geral (RG) ou Carteira Na­cional de Habilitação (CNH), entre outros –, Cadastro de Pessoa Física (CPF) e com­provante de residência.

O agendamento permite ao idoso escolher o horário e em qual UBS quer ser vacinado. Segundo a Secretaria Munici­pal de Saúde, entre as pessoas de 72 a 74 anos, 9.354 recebe­ram a primeira dose (96,6% de 9.681 que formam o público­-alvo) e 210, a segunda (2,2%).

O governador João Doria (PSDB) anunciou na quarta­-feira (7) as datas para o início da vacinação de idosos entre 65 e 67 anos contra a covid-19. De acordo com o governo paulis­ta, pessoas com 67 anos co­meçam a ser imunizadas na próxima quarta-freira (14). Já quem tem 65 e 66 anos pode­rá tomar a vacina a partir de 21 de abril.

Em Ribeirão Preto, porém, o início da campanha para o público desta faixa etária de­pende da chegada de novos lo­tes de vacina e do cronograma elaborado pela Secretaria Mu­nicipal da Saúde. Antes, a pasta vai abrir agendamento no site da prefeitura. O anúncio deve ser feito nos próximos dias.

O novo grupo totaliza 1,11 milhão de pessoas. O avanço da campanha depende da che­gada das vacinas da Fiocruz ainda nesta semana para êxito no cronograma definido pelo Plano Estadual de Imunização (PEI). O objetivo é iniciar a va­cinação de pessoas de 67 anos (350 mil pessoas) no próximo dia 14. Uma semana depois, no dia 21, outras 760 mil pessoas com 65 e 66 anos poderão re­ceber a primeira dose.

Nesta quinta-feira, às 13 horas, o Vacinômetro marca­va 7.266.445 doses, somando 5.292.698 da primeira aplica­ção e 1.973.747 da segunda, o que significa que mais de 1,9 milhão de pessoas já estão com o esquema vacinal completo.
Os resultados incluem no­vos públicos integrados à cam­panha em abril: os idosos de 68 anos, desde o dia 2, além dos profissionais das forças de segurança que atuam em São Paulo e começaram a ser vaci­nados na última segunda (5).

A Secretaria Municipal da Saúde encerrou nesta quin­ta-feira a fase de aplicação da segunda dose da vacina contra a covid-19 em idosos com 77 a 79 anos de idade. Foram dispo­nibilizadas 400 vagas. Também finalizou a imunização em pes­soas de 75 e 76 anos com a se­gunda dose da Coronavac.

Eram seis mil vagas dispo­níveis.