São Paulo acerta a permanência de Raí para a próxima temporada

0
40
Reprodução Twitter São Paulo

O presidente do São Pau­lo, Carlos Augusto de Bar­ros e Silva, o Leco, definiu nesta sexta-feira (6) que Raí permanecerá como diretor executivo de futebol para a próxima temporada. Ele terá o contrato renovado até o fim de 2020. O vínculo atual ven­ce ao término deste ano.

Raí vem sendo criticado por conselheiros e torcedores por causa do planejamento para esta temporada. A troca no coman­do da diretoria de futebol era vista como certa, mas Leco de­cidiu manter o dirigente após a conquista da vaga direta na fase de grupos da Copa Liber­tadores de 2020. O apoio do elenco também pesou.

Ex-jogador e ídolo do São Paulo, Raí está na diretoria do clube desde 2017. Além dele, também compõem o departamento o gerente de futebol Alexandre Pássaro e o diretor adjunto de futebol Fernando Chapecó.

Apesar de selada a perma­nência de Raí, a ideia é que o São Paulo sofra diversas mu­danças em sua estrutura de gestão. O presidente Leco quer o superintendente de relações institucionais, Lugano, mais perto do futebol, com partici­pação mais ativa no dia-a-dia.

Com a decisão de manter Raí, o São Paulo vai intensificar o planejamento para 2020. O técnico Fernando Diniz e sua comissão permanecerão para a próxima temporada. O trei­nador também vem sofrendo com críticas de conselheiros e torcedores, mas teve o traba­lho defendido pelos jogadores.