CBF

Um dia depois de ter sido derrotada pela Austrália por 3 a 2, em Montpellier, a seleção brasileira feminina de futebol viajou nesta sexta-feira até Lille, onde faz a sua terceira parada durante o Mundial da França. O time nacional de­sembarcou na cidade france­sa na parte da tarde após uma viagem de cerca de 1h30min em voo fretado.

Depois de chegar a Lille, a equipe comandada pelo técnico Vadão seguiu até uma academia, onde realizou um treino regene­rativo. Por meio de imagens di­vulgadas pelo site oficial da CBF, foi possível perceber que as atle­tas fizeram um trabalho muscu­lar e também físico em esteiras e bicicletas ergométricas.

A entidade também confir­mou que a seleção tem agenda­do para este sábado, às 11 ho­ras (de Brasília), um treino no campo do Stade Jean Jacques. A atividade, na qual Vadão deve começar a montar a equipe que enfrentará a Itália na terça-feira, em Valenciennes, pela rodada fi­nal do Grupo C do Mundial.

Para este duelo, Vadão não poderá contar com a meio-cam­pista Formiga, suspensa pelo segundo cartão amarelo. A con­dição física de Marta, por sua vez, ainda preocupa. Embora a estrela brasileira tenha estreado nesta partida diante da Austrália após se recuperar de uma lesão na coxa esquerda, ela acabou precisando ser substituída no intervalo do confronto realizado em Montpellier.

A seleção brasileira só vai se­guir para a cidade do confronto com as italianas no dia da parti­da. As próximas adversárias do time nacional assumiram nesta sexta-feira a liderança do Grupo C, com seis pontos, ao golearem a Jamaica por 5 a 0, em Reims, no fechamento da segunda ro­dada desta chave.

Com o resultado, o Brasil caiu para o segundo lugar, com três pontos, mesma pontuação da Austrália, terceira colocada por ter saldo de gols inferior ao da equipe de Vadão. As ja­maicanas, que na estreia foram batidas por 3 a 0 pelas brasi­leiras, ocupam a lanterna, sem nenhum ponto.

Na rodada final deste Grupo C, além da partida entre Brasil e Itália, às 16h (de Brasília) de ter­ça-feira, a Austrália encara a Ja­maica no mesmo dia e horário, em Grenoble. Pelo regulamento da competição, vão avançar às oitavas de final os líderes e vice -líderes de cada chave do Mun­dial, além das quatro melhores terceiras colocadas.

Comentários