Marcelo Camargo/Agência Brasil

O Banco de Sangue de Sertãozinho, na Região Me­tropolitana de Ribeirão Preto, alerta doadores em potencial para a necessidade urgente de doações dos tipos sanguí­neos O e A positivos. Para doar sangue é preciso estar em boas condições de saúde, pesar no mínimo 50 quilos, estar alimentado e ter idade entre 16 e 69 anos.

Menores só podem doar na presença dos pais ou de um res­ponsável legal. Quem vai doar sangue pela primeira vez deve ter até 61 anos de idade. Quem teve covid-19 precisa aguardar 30 dias da cura dos sintomas para realizar a doação.

Quem recebeu as vacinas contra a gripe ou a Corona­vac, contra o coronavírus, necessita aguardar 48 horas para realizar a doação de san­gue. Já aquelas pessoas que se imunizaram contra o corona­vírus com as vacinas Oxford/ Astrazeneca, Pfizer ou Jans­sen devem aguardar um perí­odo de sete dias.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que o número de doadores de sangue de um país seja de 3% a 5% do total da população. No Brasil, porém, de acordo com dados do Ministério da Saúde, este índice está abaixo de 2%.

Para agendar seu horário, basta que o doador entre em contato pelo WhatsApp (16) 98169-0001. No dia da doação, é preciso comparecer ao Ban­co de Sangue de Sertãozinho e apresentar documento ofi­cial com foto – Registro Geral (RG) ou Carteira Nacional de Habilitação (CNH), entre ou­tros –, que também é aceito em formato digital.

O horário de funcionamen­to é de segunda a sexta-feira, das sete às 13 horas e das 14 às 17 horas, e aos sábados, das sete às 13 horas. O Banco de Sangue de Sertãozinho fica à rua Epitácio Pessoa nº 1.401, Centro. Dúvidas sobre a do­ação podem ser esclarecidas no site (bssdoesangue.com. br) ou nas redes sociais da instituição (Facebook e Ins­tagram – @bssdoesangue).