JF PIMENTA/ESPECIAL PARA O TRIBUNA

O tradicional desfile de co­memoração da Independência do Brasil reuniu cerca de nove mil pessoas na avenida cavalhei­ro Paschoal Innecchi, na manhã de sábado, 7 de setembro. Cerca de 2,3 mil participaram da pa­rada. A abertura do evento teve início às oito horas com a apre­sentação da 5ª Circunscrição de Serviço Militar (CSM), pelo Tiro de Guerra de Ribeirão Preto. Ao longo da manhã, também desfi­laram grupos de escoteiros, alu­nos de escolas da rede pública, atletas, policiais militares, bom­beiros, motoclubes, exposição de carros antigos, entre outros.

Brasília
A Esplanada dos Ministé­rios ficou lotada. A estimativa preliminar da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal e do Comando Militar do Exército é de que entre 25 mil e 30 mil pessoas assistiram ao evento. presidente da Repú­blica participou do primeiro desfile da Independência de sua gestão na tribuna de honra, ao lado da primeira-dama Mi­chelle Bolsonaro.

Com o desfile em anda­mento, Jair Bolsonaro decidiu descer da tribuna e caminhar pela Esplanada dos Ministérios, acenando e cumprimentando o público. Cercado por dezenas de seguranças, foi acompanhado por alguns ministros, como Sér­gio Moro (Justiça e Segurança Publica), Onyx Lorenzoni (Casa Civil) e Augusto Heleno (Gabi­nete de Segurança Institucional). Em razão da quebra de protoco­lo, o desfile chegou a ser inter­rompido por alguns minutos.

Depois te retornar à tribu­na, o presidente acompanhou o restante do desfile. Além de ministros e autoridades, os em­presários Silvio Santos, Edir Ma­cedo e Luciano Hang também assistiram boa parte da apre­sentação ao lado de Bolsonaro. Pouco antes do fim da exibição da Esquadrilha da Fumaça, que encerrou as comemorações do 7 de Setembro na capital federal, o presidente e sua comitiva deixa­ram a Esplanada.

Comentários