Os moradores Ohio ainda inspecionam as casas e ruas afetadas por enormes tornados que varreram este Estado do nordeste dos Estados Unidos, com um saldo de pelo menos uma morte e vários feridos, além de danos e cortes de energia. Na cidade de Dayton, no Estado de Ohio, o fenômeno deixou 80 mil pessoas sem energia elétrica.

“Temos casas em ruínas, complexos inteiros de apartamentos destruídos, negócios em toda nossa comunidade, cujas paredes desmoronaram”, relatou o vice-chefe dos bombeiros Nicholas Hasford à ABC News. “Não sei de nenhuma comunidade totalmente preparada para esse tipo de devastação.”

Esse foi um dos vários tornados que atingiram na segunda-feira oito estados americanos. A Administração Nacional Oceanográfica e Atmosférica (NOAA, na sigla em inglês) estima que até 52 destes fenômenos afetaram o meio-oeste americano. Desde o meio do mês, o Serviço Nacional de Meteorologia (NWS, em inglês) já registrou mais de 400 tornados no país.

A única morte registrada até agora é a de um homem de 81 anos em Celina, Ohio, ao norte de Dayton, segundo o prefeito da cidade, Jeffrey Hazel. O homem morreu quando um carro bateu em sua casa. Em todo o Estado, são ao menos dez feridos em consequência dos danos causados pelos tornados.

“Quase como um trem”

Imagens das emissoras de televisão americanas mostraram enormes casas em Celina que foram devastadas. Em uma estrada ao norte de Dayton, máquinas de neve tiveram de ser usadas para remover galhos e destroços, informou o Departamento de Transportes de Ohio.

Quando ouviu as sirenes de alerta, Kylie Post se refugiou com seu filho em uma banheira e se cobriu com um colchão em sua casa, que não tem porão, nesta cidade. “A primeira coisa que ouvi foram as sirenes. Então foi quase como se um trem passasse perto de nós por alguns minutos”, disse Post ao Cincinnati.com.

Devastação em Oklahoma

Pelo menos 2 pessoas morreram e 29 foram hospitalizadas em Oklahoma, depois que um tornado devastou um acampamento de trailers em Reno no fim de semana. O presidente Donald Trump ofereceu recursos federais no Twitter para ajudar na limpeza.

Outras três pessoas morreram na semana passada quando um tornado com ventos de mais de 260 km por hora varreu Jefferson City, no Missouri

A prefeitura de Dayton pediu que os moradores poupassem água, porque as estações de tratamento e de bombeamento estavam sem energia. “Perdemos energia tanto nas estações de água quanto nas estações de bombeamento, e as equipes de resgate começaram as operações de busca e resgate e remoção de entulho”, indicou a conta oficial da prefeitura de Dayton no Twitter.

O NWS informou que os tornados causaram quedas de energia que afetaram cerca de 5 milhões de pessoas em Ohio e que áreas do Estado também poderiam sofrer inundações devido ao mau tempo.

Os serviços de emergência cortaram linhas de gás e tentam alcançar os moradores presos nos escombros, disseram autoridades do condado de Montgomery. (Com agências internacionais)

Comentários